Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

PSOL pretende ocupar espaço deixado, após a desistência de Felipe Camarão ao governo

18 de janeiro de 2022 : 06:23

Em reunião realizada dia 12 de janeiro, a executiva estadual do PSOL/MA, aprovou uma agenda muita importante para os meses de janeiro, fevereiro, março e abril. De acordo com o pré-candidato Enilton Rodrigues, ele pretende ocupar o espaço deixado por Felipe Camarão (PT), ou seja, ele acredita que pode ser um nome a representar a esquerda do Maranhão.

De acordo com nota interna do partido: “O Maranhão que queremos, é a consigna que o pré-candidato a governador e presidente estadual, Enilton Rodrigues e a pré-candidata a senadora, Antônia Cariongo, vão mobilizar a base partidária em várias municípios pelo estado, dentre eles: Caxias, Timon, Chapadinha, Açailândia, Santa Rita, Arame, Itapecuru e muitos outros para posse das novas direções municipal e seminários regionais de construção do programa de governo que Enilton Rodrigues defenderá na eleição deste ano”.

Também foi aprovada uma ampla campanha de filiação visando a construção da chapa proporcional (deputado estadual e federal), para além dos quadros partidários.

Enilton Rodrigues, como presidente estadual do partido, também vai iniciar as conversas com os partidos (PCdoB e Rede) da proposta de federação, além de outros partidos do campo popular, setores sociais e sindicais.

“Nossa tarefa agora é ocupar o espaço deixando pela desistência do então pré-candidato a governador Felipe Camarão (PT) e até o mês de abril rodar o estado construindo um programa com a mais ampla participação popular”, revela o pré-candidato a governador e presidente estadual do partido, Enilton Rodrigues.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>