Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Reitor da UFMA recebe medalha de reconhecimento do TJ

6 de novembro de 2014 : 10:30

O reitor da Universidade Federal do Maranhão, Natalino Salgado, foi condecorado com a Medalha do Mérito Judiciário Antônio Rodrigues Vellozo pelo Tribunal de Justiça do Maranhão. A indicação partiu do desembargador Lourival de Jesus Serejo, que também entregou honraria semelhante ao juiz federal, Ricardo Felipe Rodrigues Macieira. A condecoração é um reconhecimento a personalidades que contribuíram por meio de suas práticas profissionais com o Poder Judiciário.

A concessão e o reconhecimento dos méritos foram feitas ontem em sessão solene comemorativa aos 201 anos de instalação do TJ no Maranhão. As autoridades indicadas pelos desembargadores da Corte receberam um diploma e uma comenda em forma de medalha de três tipos diferentes. São elas: a Medalha dos Bons Serviços Bento Moreira Lima, a medalha do Mérito Judiciário Desembargador Antonio Rodrigues velolozo e a Medalha Especial do Mérito Cândido Mendes.

O diploma entregue ao reitor da UFMA leva o nome do primeiro Chanceler do Tribunal do Maranhão – denominação conferida ao organismo público conhecido hoje como Tribunal de Justiça do Maranhão. Reconhece, anualmente, desembargadores, chefes de governo, ministros de tribunais superiores, ministros de Estado, senadores e demais representantes do poder público.

A corregedora-geral, desembargadora Nelma Sarney, destacou os serviços prestados à sociedade pelo reitor da UFMA, considerando-o um parceiro da justiça do Maranhão. Já o desembargador Lourival Serejo revelou os motivos que o levaram a indicar o nome de Natalino Salgado como merecedor da comenda, enfatizando a sua atuação inspiradora no meio científico como médico, pesquisador, professor e gestor de uma instituição que cresce na medida em que promove equidade social por meio da educação.

Segundo o reitor, a honraria recebida pelo Tribunal de Justiça reflete sua história de vida e o seu trabalho no serviço público, assim como o momento histórico em que vive a UFMA. “A Universidade promove por meio da educação e de suas pesquisas científicas a formação e a descoberta de novos conhecimentos. É um trabalho que realizamos de mãos dadas com a sociedade civil e que é, antes de tudo, uma luta pela igualdade, por meio da oferta democrática de uma educação de qualidade. Fico lisonjeado pelo reconhecimento não apenas pessoal, mas pelo trabalho que vem sendo realizado na Universidade, onde o TJ é nosso importante parceiro”, frisou.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>