Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

A diferença da representatividade do SIND-UFMA para a Apruma

2 de junho de 2014 : 15:00
Na última quinta-feira (29), os professores da UFMA ganharam uma nova representação sindical. Com um total de 393 votos válidos, nenhum voto contra e nenhuma abstenção, os docentes da instituição criaram um novo sindicato, o SIND-UFMA, para representar a categoria internamente junto às instâncias da administração superior, e externamente, junto aos órgãos da administração federal e à sociedade civil. Na mesma assembleia, também foi aprovado o estatuto, a comissão provisória que vai preparar as eleições em 2015 e a solenidade de posse do grupo que vai estar à frente dos trabalhos até a aprovação do estatuto definitivo.

A participação maciça de professores mostra o desejo de uma entidade que verdadeiramente lute pelos interesses dos próprios e não por orientações partidárias.

Isso é possível perceber em duas imagens. Na primeira, a reunião dos professores que criaram o SIND-UFMA realizada na última quinta-feira (29). Mais de 500 docentes estiveram presentes durante todo o evento, mas para o credenciamento foram contados 393.


Já em uma reunião realizada pela APRUMA na semana passada no Centro de Vivência da UFMA, podia se contar nos dedos a quantidade de professores presentes. De acordo com relatos, somente 17 compareceram ao encontro.


Fica cada vez mais evidente que o movimento sindical na UFMA vive um outro momento, o qual não será mais regido por uma entidade falida comandada por pessoas ligadas a partidos políticos. Inclusive o atual presidente da APRUMA foi candidato a vereador pelo PSOL em 2012, o médico Antônio Gonçalves.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>