Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Mero desconhecido, Fábio Macêdo tenta insuflar candidatura a deputado estadual

12 de março de 2014 : 19:06
Já está garantido que 25% dos deputados na Assembleia Legislativa vão se renovar, seja por motivo de aposentadoria ou por buscarem outros cargos eletivos. Isso já representa quase dez vagas abertas. É óbvio que outros nomes vão surgir e com força, caso de Adriano Sarney (PV) e Glaubert Cutrim (PRB), mas nos últimos um mero desconhecido da região de Dom Pedro, busca insuflar sua candidatura, chegando a espalhar que ele pode ser o candidato mais votado em outubro deste ano.
Fábio (pré-candidato a deputado estadual) e Hernado Macêdo (prefeito de Dom Pedro)
Em todas as listas que o PDT faz, o nome de Fábio Macêdo é incluído como provável eleito, mas ele aparece atrás de Humberto Coutinho, que não sabe se terá condições de saúde para disputar o cargo, Carlinhos Amorim e Valéria Macedo que atualmente exercem mandato de deputado estadual.
Qual seria a influência de Fábio Macêdo para garantir uma votação maciça a ponto de lhe dar os primeiros lugares na disputa pelo cargo? 
Dizem que ele tem uma longa experiência no ramo empresarial. Porém isto lhe é atribuído simplesmente por ser filho do empresário Dedé Macedo. Porém é no irmão o atual prefeito de Dom Pedro, Hernando Macedo, que Fábio tem maior prestígio, afinal esta condição lhe confere o cargo mais importante que já ocupou. Dizem que por conta dessas credenciais muitos apostam no sucesso político do jovem empresário. 
Para insuflar sua candidatura, Fábio Macêdo ainda foi premiado com a presidência da executiva municipal do PDT de Dom Pedro e recentemente plantou notícias em alguns blogs do estado, que poderia ser o vice de Flávio Dino (PCdoB), sob indicação de Carlos Lupi, presidente do PDT nacional. No entanto, quando o ministro Manoel Dias, um dos principais líderes da legenda esteve no Maranhão, desconhecia o fato e inclusive nem sabia quem era Fábio Macêdo.
Hoje o que poderia lhe garantir a vitória, seria meramente os caminhões de dinheiro que o pai Dedê Macêdo tem para bancar a candidatura de Fábio, de Weverton Rocha (PDT) e Flávio Dino (PCdoB). Fora isso não existem motivos, para que o empresário venha se destacar nas eleições deste ano.
Vale lembrar que nem a região de Dom Pedro seria responsável por consolidar a vitória de Fábio para a vaga de deputado estadual…

3 comentários em “Mero desconhecido, Fábio Macêdo tenta insuflar candidatura a deputado estadual”

  1. Anonymous

    8 anos atrás  

    Uma palavra que está sendo muita usada pelos jovens da interweb hoje em dia se aplica perfeitamente a esse seu post: recalque.

  2. Anonymous

    8 anos atrás  

    O maranhão não muda mesmo.Saem bandidos e renovam-se com outros.O pai desse playboi que nunca trabalhou na vida, quer arrumar uma profissão pra ele.Esse Dede macedo é um bandido, vive de querer comprar as pessoas com seu dinheiro sujo.Tem um irmão foragido, acusado de matar um empresário e o sobrinho, está preso. Dizem que Dede macedo logo, logo vai tirar ele da prisão para lhe ajudar nos trabalhos politicos.O bandido tá com gangue desfalcada. Tem que tirar logo o sobrinho da prisão mesmo.

  3. Anonymous

    8 anos atrás  

    Dizem que esses filhos de Dede Macedo, apesar de playboi são gente do bem. Nem parecem que são filhos de um bandido que nem Dede Macedo.O fim desse moço vai ser triste, ele já maltratou muita gente com sua agiotagem. Ele tem pauta com demônio, atua com ele direto nos negócios.Ele tem um hotel em teresina e umas fazendas no maranhão, mas com essas fontes rendas não dar pra comprar helicopteros e carrões de luxo importados. O resto é dinheiro da bandidagem.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>