Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Hilton Gonçalo diz que fica no PDT e continuará buscando viabilização de sua candidatura de governador

9 de outubro de 2013 : 07:31
Depois de muito se especular sobre o destino de Hilton Gonçalo (PDT), o ex-prefeito de Santa Rita comunicou por meio de nota que continuará colocando seu nome na disputa ao governo do estado, com a justificativa que ele já tem um eleitorado de 6%, o que ainda pode crescer e também por acreditar que o papel do PDT nas eleições seja de protagonista e não de coadjuvante.



Confira na íntegra a nota divulgada:

NOTA

A minha prioridade, é o Maranhão, este que necessita de maior atenção no desenvolvimento de programas sociais e uma necessidade de fortalecer a economia, pré-requisitos necessários para tirar o nosso estado entre aqueles que apresentam os maiores índices de pobreza e desigualdade social.

Diante dessa certeza que tenho e carrego comigo, durante todo este ano viajei praticamente o Maranhão todo, conversando com a população de várias cidades para deixar claro que eu pretendo fazer algo para mudar a nossa realidade e escutei muito, principalmente.

Por isso coloco meu nome para a disputa de governador do estado, inclusive cheguei a fazer parte do movimento “Via Alternativa Popular” lançado em janeiro deste ano, por diversos companheiros, entre eles o Waldir Maranhão (PP), Domingos Dutra (SDD), Eliziane Gama (PPS) e Deoclídes Macedo (PDT).

Recebi o convite de quase uma dezena de partidos para me filiar, porém nenhum me ofereceu a segurança e a convicção de que desejavam ter uma candidatura própria em 2014, por isso comunico a todos que decidi permanecer no PDT, partido ao qual já tenho uma história que construí ao longo do anos e respeito por conta da memória do ex-governador Jackson Lago, o qual foi um grande companheiro.

Porém enfatizo que permanecer no PDT não é abrir mão do desejo de disputar o governo do Maranhão, em reunião com os companheiros Weverton Rocha, Chico Leitoa Deoclídes Macedo, Edson Vidigal e outros , afirmei que continuarei no PDT, porém vamos permanecer discutindo a possibilidade da candidatura própria.

Ao contrário do que especulam, que eu estava tentando me cacifar para uma disputa de Deputado Estadual ou Federal, deixo bem claro que nunca foi e nem será meu plano, disputar um cargo do legislativo, entendo que é uma prática totalmente diferente do executivo, função esta que já exerci por oito anos na prefeitura de Santa Rita. Por respeitar o exercício do parlamento não me aventurarei em algo que não teria prazer em exercer, por isso em 2014, eu só tenho um caminho, a disputa da eleição majoritária, caso contrário estarei participando apenas de forma indireta nas eleições do próximo ano.

Agradeço a todos que me acompanham nessa caminhada, hoje, segundo pesquisas eleitorais, temos mais de 6% da preferência do eleitorado, o que representa mais de 200 mil eleitores em todo o Maranhão e reafirmo que a discussão não parou por aqui, ela continuará até as vésperas das convenções.

Repito, como dito em outros momentos, que o PDT não pode fazer papel de coadjuvante nas eleições do Maranhão, já elegemos um governador e prefeito da capital, temos que voltar a ocupar esse espaço. O nosso partido tem quadros e companheiros valorosos para ocupar esses cargos, por isso deixo claro que continuarei lutando para que o PDT tenha candidatura própria em 2014 e o meu nome está colocado para a disputa.

Temos de ser a voz e o instrumento quase 7 milhões de maranhenses que lutam todos os dias por um estado melhor, mais justo, mais eficiente e mais decente.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>