Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Aliado de Weverton Rocha, petista Paulo Romão afirma: “Nosso adversário na disputa pelo senado federal é Roberto Rocha”

10 de junho de 2022 : 12:00

Mais uma fala de um membro do grupo de oposição a Carlos Brandão (PSB) e Flávio Dino (PSB), evidencia que a Frente Ampla entorno da pré-candidatura única de Roberto Rocha (PTB), ao Senado, não é assim tão ampla e harmoniosa. Após falas de Lahesio Bonfim (PSC), dirigentes do AGIR36, agora foi a vez do aliado de Weverton Rocha (PDT), o petista Paulo Romão afirmar: “Nosso adversário na disputa pelo senado federal é Roberto Rocha” [sic].

A fala deixa claro, que dificilmente Roberto Rocha vai alcançar essa unidade, caso seja candidato pela coligação de Weverton Rocha. Por isso, o mais provável é que o senador busque uma aliança com o PSC de Lahesio, que apresenta mais homogeneidade nas matizes partidárias que vão estar em seu palanque.

Até o momento, o PSC conversa com PMN, DC e Agir36, aguardando apenas a chegada do PTB, para formar um bloco de direita praticamente puro. Diferente do PDT, que no momento tem uma heterogeneidade com a formação de uma aliança com Republicanos e PROS.

Paulo Romão era pré-candidato ao Senado pelo PT, porém o partido declarou apoio a pré-candidatura de Flávio Dino. Agora na condição de pré-candidato a deputado estadual, ele disse que seguirá com um nome de tendência a esquerda na disputa pelo cargo de senador, resta a ele três opções: Saulo Arcangeli (PSTU), Antônia do Cariongo (PSOL) e Flávio Dino.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>