Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Governo do Maranhão decide proibir a reabertura de self-services, rodízios, praça de alimentação de shopping e atrações musicais em bares e restaurantes

25 de junho de 2020 : 17:21

O chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares (PSB), informou na tarde desta quinta-feira (25), que os restaurantes self-service, rodízios e as praças de alimentação dos shoppings centers estão proibidos de abrir a partir do próximo sábado (27). A Vigilância Sanitária vetou a reabertura desses estabelecimentos por ainda avaliar que existe um risco de aumento de casos. Outra decisão tomada pelo Governo do Maranhão é que bares e restaurantes estão proibidos de colocar qualquer atração cultural em bares e restaurantes.

Marcelo Tavares afirmou que é impensável neste momento, liberar apresentações artísticas em bares e restaurantes, pois vai gerar aglomeração e naturalmente pode vir a surgir uma nova explosão de casos. O chefe da Casa Civil, lamentou o fato de já ter empresário programando festas em bares e restaurantes, pois isso pode levar a um novo fechamento de setores do comércio e serviços do Maranhão.

Os bares e restaurantes só vão poder funcionar até meia-noite e as padarias até ás 20h, que na opinião de Marcelo Tavares é um horário razoável. No entanto, vai haver fiscalização mais dura por parte da Polícia Militar e Procon, e quem exceder ou descumprir as normas sofrerá punições severas. O chefe da Casa Civil lembrou, que também parte da consciência de cada um, evitar exageros.

Os bares e restaurantes devem também restringir a presença de quatro pessoas por mesa, assim como orientar a não entrada de pessoas com idade superior a 60 anos e com fatores de risco.

De acordo com o apurado, se não houver aumento de casos do novo coronavírus, as praças de alimentações de shoppings centers devem ser liberados nas próxima semana. Já, atrações culturais não possuem previsão para liberação.

O presidente da Abrasel, Gustavo Araújo, informou que ainda não foi notificado das decisões do Governo do Maranhão e está sendo surpreendido com as novas determinações, pois diversos empresários já tinham feitos grandes investimentos.

Na capital maranhense, bares como o Azeite e Sal na Península já estavam anunciando uma programação com dj´s ao longo de sábado e domingo. Pela norma do Governo, eles terão que cancelar as atrações culturais.

Nos últimos finais de semanas, restaurantes chegaram a ser denunciados por realização de festas e “resenhas”, caso do Romero na região do Calhau.

CONFIRA A PORTARIA 042, DE 24 DE JUNHO DE 2020 – PROTOCOLO BARES, RESTAURANTES E AFINS

4 comentários em “Governo do Maranhão decide proibir a reabertura de self-services, rodízios, praça de alimentação de shopping e atrações musicais em bares e restaurantes”

  1. 1 mês atrás  

    Certíssimo tal decisão. Falta bom senso nas pessoas ,em frequentar tais ambiente,esses empresários estão pensando em faturar , e as pessoas devem ignorar e pensar em si ,em sua saúde e familiares.

  2. Marineth Melo

    1 mês atrás  

    Abrir eu acho normal, com distanciamento e todos os cuidados sanitários, mais do que isso é loucura ou falta de bom senso. Programar Dj é ser muito estúpido. Jamais iria em um lugar desses. Acho que eventos dessa natureza nem para o fim do ano.

  3. Moacir de Moraes Silva

    3 semanas atrás  

    O Azeite&Sal, citado na matéria continua promovendo aglomerações de frequentadores, sem máscaras. Venha agora, se quiser ver.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>