Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Prefeitura promove ação para combate a hepatites virais

2 de agosto de 2014 : 10:47

A Prefeitura de São Luís promoveu durante esta sexta-feira (1º) ação na área de saúde para combate a hepatites virais em alusão ao Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais. O evento foi realizado na Praça Deodoro através do programa de Controle DST/Aids da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde (SES) e com o Sest/Senai.

Segundo a secretária adjunta da Semus, Silvia Viana, a ação também reforça o compromisso da gestão municipal em ampliar a rede de atendimento e facilitar o acesso do cidadão a determinados serviços da rede pública, uma orientação do prefeito Edivaldo. Foram oferecidas vacinas e testes para a detecção das hepatites B e C, sífilis, testes de HIV, glicemia, aferição da pressão arterial e orientação nutricional.

“Aqui o cidadão fez vários serviços de forma rápida e acessível, um compromisso assumido pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior e que está sendo cumprido de forma eficaz”, destacou Silvia Viana. A ação social faz parte da política de reestruturação dos serviços de saúde.

Os dados da Semus mostram que entre 2007 e 2013 foram registrados 3.951 casos de hepatites em São Luís. Deste total, 385 foram registros de hepatite A, 925 de hepatite B e 987 de hepatite C. No primeiro semestre deste ano, foram registrados 86 casos da doença. Com a mobilização desta sexta-feira, o objetivo do município é divulgar as ações de proteção contra doença e a necessidade dos testes para diagnóstico.

“No caso específico desta ação social, estamos focando os casos de pessoas que estejam com suspeitas de hepatites. Também temos como preocupação os casos de pessoas com Aids e por isso também estamos oferecendo testes para HIV”, afirmou a secretária adjunta.

Para a aposentada Rosa Maria Campos, de 64 anos, moradora do Anjo da Guarda, que participou do evento na manhã desta sexta, a prevenção é extremamente importante. “Tenho um irmão que recentemente teve hepatite. Fiquei preocupada e, por essa razão, decidi fazer o teste. Graças a Deus não detectou nada de errado. Fiquei feliz, pude fazer este exame e saber que está tudo bem comigo”, disse.

No Brasil as hepatites virais mais comuns são as hepatites causadas pelos vírus A, B, e C. Existem ainda os vírus D e E, sendo que a hepatite D é mais frequente nos continentes da Ásia, África e região da Amazônia.

Um comentário em “Prefeitura promove ação para combate a hepatites virais”

  1. ana

    8 anos atrás  

    bacana a ação. na minha opinião, deve se repetir mais vezes. isso que o governo tem que aceitar, parceria que favorece diretamente a populaçao.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>