Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Vereadores de São Luís apostam R$10 mil em caso de vitória de Lula ou Bolsonaro

22 de setembro de 2022 : 08:54

Em muitos cantos do país, está rolando uma forte aposta em dinheiro, bens ou até mesmo em coisas irrelevantes em caso de vitória de Lula ou Bolsonaro para presidente. Aqui em São Luís, dois vereadores decidiram fazer uma aposta. Marquinhos da Vila Luizão (PSC) lançou o desafio 5 por 10 ao vereador Jhonatan do Coletivo Nós (PT) e os dois chegaram ao entendimento que o presidenciável que ganhar a eleição vai fazer um dos dois perder R$10 mil.

De acordo com o vereador Marquinhos, a aposta consiste no seguinte: Se Lula vencer no primeiro turno, ele paga R$10 mil ao Jhonatan, mas se tiver segundo turno é o petista que paga R$5 mil para o líder da Vila Luizão no dia 2 de outubro.

Existindo o segundo turno ao final da disputa no dia 30 de outubro, Lula saindo vencedor, Marquinhos paga R$10 mil para Jhonatan e Bolsonaro sendo vitorioso, o petista paga mais R$5 mil para o parlamentar bolsonarista.

Apesar do desafio dos dois envolvendo a disputa presidencial, ambos votam no mesmo candidato a governador no Maranhão: Carlos Brandão (PSB).

2 comentários em “Vereadores de São Luís apostam R$10 mil em caso de vitória de Lula ou Bolsonaro”

  1. Xam

    1 semana atrás  

    Marquinho já pode considerar ganho aposta bolsonario vai esmagar o ladrão de 9 dedos no 1 turno ..e 22 neles

  2. Reynaldo

    1 semana atrás  

    Eles precisam tomar juízo e procurar trabalhar juntos para que somando as suas massas cefálica ,possam encontrar alguma formula de geração de renda ao povo,que anda sem perspectiva de futuro,onde a porta de entrada e saída são as mesma em uma ilha sem saída. Lembro as duas peças citadas que brincam fazendo bolão como aposta de jogo,que o êxodo rural aumenta diariamente em nossa cidade e eles fazem o que peixe faz na água,Nada…..Esse coletivo nós,só atingiu as metas deles próprios,arranjar emprego para eles e seu bando.Conseguiram enganar os pobres jovens desesperados de periferia,que lutam por igualdade dentro de uma sociedade que eles não conhecem culturalmente.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>