Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Gestão Rigo Teles em Barra do Corda tem aprovação de 84% da população, aponta pesquisa INOP

18 de abril de 2021 : 10:10

O Instituto INOP(Instituto Nacional de Opinião Pública), o mesmo que realizou cinco pesquisas eleitorais em Barra do Corda para medir a corrida rumo às eleições de 2020 e que sempre apontou a vitória do prefeito Rigo Teles, o que foi confirmado no resultado das urnas.

Vale destacar que, o INOP, é o instituto com maior nível de credibilidade perante a população Barracordense, devido seus números certeiros em todas as pesquisas que apontavam em 2020 a vitória esmagadora de Rigo Teles para prefeito.

O INOP ouviu 402 pessoas nas zonas urbana e rural entre os dias 12, 13, 14 e 15 de Abril. É a primeira pesquisa de avaliação do governo Rigo Teles em Barra do Corda. A margem de erro é de 5 pontos para mais ou para menos e o nível de confiabilidade da pesquisa é de 95%.

O instituto perguntou na pesquisa, se Barra do Corda, sob o comando do prefeito Rigo Teles está no comando certo. O resultado foi o seguinte; 78,36% disseram que sim. 14,93% responderam que Barra do Corda está no caminho errado e 6,71% não souberam ou não quiseram responder.

A pesquisa Inop perguntou aos entrevistados se eles aprovam ou desaprovam a maneira de como o prefeito Rigo Teles vem administrando Barra do Corda nos primeiros cem dias de governo. O resultado foi o seguinte; 84,58% disseram que aprovam a forma em que Rigo Teles vem administrando, 11,69 disseram que não aprovam e 3,73% não souberam ou não quiseram responder.

O INOP perguntou se a saúde sob o comando do prefeito Rigo Teles melhorou ou piorou. O resultado foi o seguinte; 76,12% responderam que a saúde melhorou. 17,41% responderam que piorou e 6,47% não souberam ou não quiseram responder.

O Instituto perguntou ao entrevistado, de qual dos dois governadores, Roseana e Flávio Dino, mais trabalhou em Barra do Corda. O resultado foi o seguinte; 48,01% responderam que foi Flávio Dino e 39,30% disseram que foi Roseana Sarney, outros 6,22% responderam que nenhum dos dois e 6,47% disseram não saber ou não quiseram responder.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>