Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Saiba quais são os órgãos estaduais que devem ter mudança, após a eleição de São Luís

27 de novembro de 2020 : 15:23

Após a eleição de São Luís, dia 29 de novembro, irá iniciar um novo processo de articulação no Governo do Maranhão. Após a opção pela neutralidade do senador Weverton Rocha (PDT) e dos deputados federais Juscelino Filho (DEM) e Pedro Lucas Fernandes (PTB), assim como o apoio declarado de Neto Evangelista (DEM), e outros a Eduardo Braide, a estrutura governamental deve passar por um processo de “rearrumação”.

Independente do resultado final, a Secretaria de Desenvolvimento Social comandada por Márcio Honaiser (PDT), o Detran comandada por Larissa Abdalla (PDT) e Agem, Livio Correa (PTB), são as que possuem mais chances de mudanças.

Na SEDES está a situação mais complexa. Antes da eleição, um acordão envolvendo Weverton Rocha, Márcio Honaiser, Zito Rolim, Francisco Nagib e Flávio Dino, deixou acertado que em janeiro de 2021, Honaiser voltaria a Assembleia Legislativa e Nagib assumiria o comando da SEDES.

Acontece que Zito Rolim saiu derrotado em Codó e o PDT não atendeu o chamado de Flávio Dino em São Luís. Diante desse cenário, Zito e Nagib devem ficar a ver navios e Honaiser retornará à Assembleia Legislativa com foco na Câmara Federal para 2022.

No DETRAN, muitos indicados do PDT estão preocupados com a postura dos principais nomes do partido no segundo turno em São Luís, a especulação é grande quanto uma possível mudança no comando do órgão.

Larissa Abdalla chegou a gravar um vídeo de apoio de Duarte, porém o constrangimento ficou evidente na aparição e parece que a mensagem ter foi feita a contragosto da indicada de Weverton Rocha.

Na AGEM que é da cota de Pedro Lucas Fernandes, o presidente Lívio Correa participou da campanha de Duarte e pode ser poupado, mas o parlamentar também está na mira do Palácio dos Leões.

A MOB também pode passar por mudanças. Inicialmente ocupada por Lawrence Melo, ele deu lugar a Daniel Carvalho, mas novas trocas podem ser feitas para acomodar aliados políticos.

Vale aguardar como será o comportamento de Flávio Dino com aqueles que não atenderam ao seu chamado e com os que foram leais.

3 comentários em “Saiba quais são os órgãos estaduais que devem ter mudança, após a eleição de São Luís”

  1. Força São Luís

    3 meses atrás  

    Esse isso que esse comunista sabe é ser ditador, por isso que vai começar a cair esse muro do Palácio dos leões, já começou por vários municípios, domingo será a vez da ilha, é a vontade do povo e a proteção de Deus, é Braide 19 Prefeito de São Luís…

  2. Reynaldo Pinto Filho

    3 meses atrás  

    A mudança é uma coisa muita simples e terá que ser feita imediatamente caso o governador perca essa eleição. Alguém trabalharia com pessoas que não são de confiança e que poderia criar problemas na sua organização? Alguém trabalharia com pessoas desonesta e aproveitadores? Alguém trabalharia com espiões e informantes alheios a sua empresa? Então,reforma administrativa urgente para que a empresa continue viva no mercado competitivo

  3. Gaules

    3 meses atrás  

    E assim começa o fim do teu projeto de poder, grande réptil, concentrando os últimos soldados em guarda ao palácio, logo as provisões acabam e mais irão desertar. O cerco está feito e não irá cessar. Thcau querido!

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>