Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Semana de Ciência e Tecnologia será aberta nesta segunda

12 de outubro de 2014 : 11:00

A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT/MA) e a V Mostra Científica do Maranhão voltam a movimentar São Luís e o interior do estado, com atividades cientificas que acontecem em praças públicas e em instituições de ensino. Na segunda-feira (13), o evento será aberto, às 17h, na área externa do São Luís Shopping, onde está montada a “Cidade da Ciência”, com as presenças do secretário de Ciência e Tecnologia, José Costa, e da diretora-presidente da Fapema, Rosane Nassar Meireles Guerra.

Este ano, o evento acontece de 13 a 19 de outubro e tem como tema “Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Social”. Coordenada pelo Governo do Estado por meio da Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia (Sectec) e Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema), a SNCT tem como objetivo democratizar o acesso ao conhecimento científico e aproximar a população da ciência e da tecnologia, promovendo e estimulando atividades de divulgação científica em todo o país.

“Este é um evento que está se consolidando ano após ano com um número crescente de participantes tanto na Semana quanto na Mostra Científica. A Mostra Científica foi concebida para que os pesquisadores, contemplados, nos vários editais da Fapema, apresentem seus projetos e resultados ao público, como forma de popularizar este conhecimento. É, também, uma oportunidade para prestarmos conta dos recursos destinados à fundação ao longo dos últimos anos”, contou a diretora-presidente da Fapema, Rosane Guerra.

Para fomentar a realização de atividades durante a semana, a Fapema disponibilizou este ano dois editais com alocação de recursos no valor de R$ 1 milhão. “A nossa perspectiva é que este ano tenhamos um número maior de cidades participando com atividades na praça, e não só dentro das instituições, porque a ideia da semana é sair das instituições e levar efetivamente esse conhecimento para o público em geral, para pessoas de todas as idades e socializar o conhecimento”, completou a presidente.

Interesse pela ciência

Trabalhos nas áreas de engenharia, medicina, saúde, física, química, biologia, matemática, astronomia, ciências sociais aplicadas e do conhecimento científico em geral podem ser explorados como ferramentas de inovação e social. O secretário de Estado de Ciência e Tecnologia, José Costa, disse que com a SNCT espera-se despertar, principalmente nas crianças e jovens do ensino fundamental e ensino médio, o interesse pela ciência. “Sobretudo as ciências básicas, a física, química e biologia”, destacou.

A coordenação nacional da SNCT é do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) que conta com a colaboração do setor público e privado, de fundações de apoio à pesquisa, de entidades e instituições de ensino, divulgação e pesquisa, além de secretarias estaduais e municipais, em especial de ciência, tecnologia (C&T) e educação.

Em 2012, em todo o país, segundo o MCTI, foram realizadas 28.148 ações com a participação de 911 parceiros, números que foram superados em 2013. Ano passado o número de atividades chegou a 34 mil com o apoio de 1.079 parceiros espalhados por 740 cidades brasileiras.

O Maranhão tem feito bonito e a cada ano tem conseguido superar o número de atividades e de participantes. O resultado disso é que o estado se destaca na primeira colocação no ranking do Nordeste com maior número de atividades e a 5ª posição no país.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>