Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Carta Capital evidencia seu jornalismo chapa-branca ao “esquecer” assunto mensalão na edição desta semana

17 de novembro de 2013 : 21:54
* da Coluna Rodrigo Constantino (Veja)
Qual foi a notícia mais importante da semana, caro leitor? Do ponto de vista do Brasil, naturalmente. Digo isso para que o tufão nas Filipinas não seja citado como uma possível alternativa. Creio que não foi muito difícil responder, não é mesmo? Aquela cena marcante do poderoso José Dirceu e seu comparsa José Genoino se entregando para passar a noite da PRISÃO é barbada, certo? Errado.
Ao menos no que depender do crivo dos incríveis “jornalistas” liderados por Mino Carta. Na semana em que não se falava de outra coisa além da prisão dos mensaleiros, a Carta Capital resolveu destoar de propósito, e falar… do risco de extinção da rã! Se ainda fosse da lula…
Vejam com os próprios olhos, pois sei como é difícil de acreditar:

Quem ainda for mais do estilo de São Tomé, que precisava ver para crer, eis o link para a página oficial da revista, que recebe gordas verbas estatais. Seria uma indireta lembrança da fábula da rã e do escorpião? Aquela que fala da natureza maligna do escorpião que, mesmo contra seus interesses de sobrevivência, pica a rã sabendo que ambos vão morrer juntos?
Não saberia dizer. Mais eis o que eu sei: quem ainda assina a Carta Capital é como quem chama a presidente Dilma de “presidenta”: entrega-se no ato. Ninguém sério consegue levar a sério um “jornalismo” tão chapa-branca. É constrangedor o papelão dessa gente…

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>