Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

São Luís arrecadou mais de R$130 milhões em IPTU no último ano da gestão Edivaldo Holanda Júnior

19 de janeiro de 2022 : 12:09

O levantamento realizado pelo anuário Multi Cidades – Finanças dos Municípios do Brasil, iniciativa da Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) com patrocínio da Huawei e da Tecno It, mostrou que São Luís teve uma arrecadação de R$130 milhões no ano de 2020 do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU), último ano da gestão Edivaldo Holanda Júnior. O valor colocou a capital maranhense entre as dez mais que arrecadaram no nordeste e com um crescimento de quase 14% quando comparado com o ano de 2019.

Quando comparado com as outras capitais do nordeste, São Luís só ficou a frente de João Pessoa e Teresina, o que mostra que a capital maranhense apesar de ser a quarta maior da região, ainda sofre muito com a inadimplência, assim como também com imóveis irregulares.

No total, 24 municípios do Nordeste em 2020, foram avaliados. No Maranhão, além da capital, Imperatriz também foi avaliada e de acordo com o estudo em 2020, arrecadou R$14,819 milhões, representando um crescimento quase 10% quando comparado com 2019.

No nordeste, a maior alta foi de João Pessoa (PB), que registrou 24,7%, se comparado ao total em 2019. A capital recolheu R$ 102,4 milhões em 2020, enquanto que no ano anterior foram R$ 82,1 milhões. Todos os valores foram corrigidos pela inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) do IBGE.

Em valores absolutos, Salvador ficou no topo do ranking das cidades avaliadas que mais arrecadaram em toda a região Nordeste: R$ 800,5 milhões. A capital baiana conseguiu R$ 41,5 milhões a mais em sua arrecadação, comparado à 2019, o maior incremento entre as cidades nordestinas.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>