Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Prefeitura discute estratégias de combate ao analfabetismo em ciclo de debates

16 de janeiro de 2015 : 10:57

Discutir estratégias para combater o analfabetismo e contabilizar os avanços já realizados na área. Foi este o objetivo do II Ciclo de Debates sobre o Analfabetismo e o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (Pnaic), realizado pela Prefeitura de São Luís esta semana com cerca de 40 profissionais da área da Educação, entre gestores escolares, especialistas e integrantes do corpo pedagógico da Secretaria e de instituições parceiras. O encontro aconteceu no auditório da Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Luís Viana, na Alemanha.

O secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, enfatizou que os debates ajudarão a construir ações para melhorar a qualidade da educação no Município de São Luís, uma das metas do prefeito Edivaldo. “A alfabetização dos nossos estudantes é um dos instrumentos essenciais para a garantia plena da cidadania. Atividades como este ciclo de debates possibilitam que o processo ocorra de forma ainda mais proveitosa, na medida em que favorecem a troca de experiências entre os educadores, bem como com instituições parceiras”, disse o secretário.

Participaram dos debates a coordenadora do Instituto Formação, Regina Cabral, e a consultora do Unicef no Maranhão, Andréia Barbosa. Elas falaram sobre os dados nacionais e locais da alfabetização e apresentaram diagnósticos e fórmulas para reavaliar e promover melhorias na educação municipal de São Luís.

Ao todo, serão cinco ciclos de debates, com previsão de encerramento para o mês de março. A coordenadora do núcleo de Alfabetização da Semed, Márcia Mafra, disse que a expectativa é ampliar a discussão para os espaços escolares, envolvendo gestores e educadores na busca de melhores resultados para a alfabetização na idade certa. “Estamos em um processo contínuo de aprendizado, o qual vai nos levar para uma discussão mais ampla dentro das escolas, com vistas a promover melhorias concretas na Educação”, assinalou.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>