Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Prefeito Eduardo Braide anuncia ações emergenciais de atendimento às síndromes gripais em São Luís

3 de janeiro de 2022 : 19:19


O prefeito de São Luís, Eduardo Braide, anunciou, em entrevista coletiva nesta segunda-feira (3), novas ações emergenciais de atendimento às síndromes gripais na capital maranhense. O anúncio se dá em consequência do aumento dos casos de Influenza  Sazonal (gripes do tipo H1N1 e H3N2) no país, bem como do número de casos de Covid-19 em todo o mundo, provocado pelo avanço da variante Ômicron.

A partir de quarta-feira (5), mais dois Centros de Atendimento às Síndromes Gripais Leves entrarão em funcionamento com o objetivo de ofertar atendimento rápido e de qualidade à população. Quem necessitar de auxílio médico também poderá procurar atendimento no Centro de Saúde Janaína (Vila Janaína) e no Centro de Saúde Thalles Ribeiro (Vila Esperança), além dos Centros de Saúde Carlos Macieira (Av. dos Africanos); Genésio Ramos Filho (Cohab Anil IV) e Clodomir Pinheiro (Anjo da Guarda),

Para oportunizar atendimento a todos os que procurarem pelo serviço, bem como para evitar longas filas e espera, o prefeito Eduardo Braide também anunciou que o atendimento nos Centros de Atendimento às Síndromes Gripais Leves será ofertado todos os dias, de 8h às 17h.

“Essas ações são um complemento do plano municipal de enfrentamento às síndromes respiratórias em nosso município. Mais uma vez, estamos saindo na frente e estruturando nossa rede municipal de saúde para atender os ludovicenses que apresentem quadro gripal, já que estamos entrando em uma época do ano caracterizada pela prevalência dos casos de Influenza. Além disso, também estamos fortalecendo nossas políticas de combate à Covid, de modo a evitar o surgimento de novos casos”, destacou o prefeito Eduardo Braide.

 

Enfrentamento à Covid-19

Mesmo sem nenhum paciente com Covid-19 internado na rede municipal de saúde de São Luís – reflexo da vacinação contra a doença na capital –, o prefeito Eduardo Braide também determinou que, a partir desta terça-feira, as unidades mistas do Bequimão, São Bernardo, Itaqui-Bacanga e Coroadinho, além da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Zona Rural e o Socorrinho do São Francisco façam o acolhimento, pré-triagem e separação de paciente com sintomas característicos de coronavírus.

Para evitar aglomeração unidades em que a população ludovicense poderá buscar atendimento caso esteja com algum sintoma gripal e, principalmente, para comportar e garantir os serviços com conforto a todos, equipes de saúde extras (compostas por médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem) também farão o atendimento imediato na parte externa das unidades, em estruturas montadas com tendas.

Em caso de teste positivo para Covid-19, o atendimento será prioritário e, havendo a necessidade de internação, adultos serão encaminhados para o Hospital da Mulher (quando o caso for considerado grave) e para a Unidade Mista do Bequimão (quando o caso for considerado moderado); e as crianças, para o Hospital da Criança, localizado à Avenida dos Franceses, na Alemanha. Do contrário, o atendimento terá fluxo normal, com consulta, prescrição e atestado médico, com orientação para tratamento domiciliar.

Como medida de combate à Covid-19, também funcionará, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, pontos de testagem em os cinco terminais de ônibus da cidade: Praia Grande, Cohama, Cohab, São Cristóvão e Distrito Industrial/BR-135. Além dos terminais, os pontos onde a testagem vem acontecendo há semanas também continuarão ofertando o serviço, gratuitamente.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>