Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Faltando quatro dias para o prazo final, pré-candidatos à presidência da OAB se articulam para formar chapa

11 de outubro de 2021 : 10:40

Dia 15 de outubro é o prazo final para aqueles que pretendem comandar a OAB do Maranhão pelos próximos três anos, para inscreverem suas chapas. No estado, seis nomes estão se articulando e até o momento cinco confirmam que vão fazer o registro até sexta-feira. Cada um terá que apresentar uma lista de 84 advogados, seguindo algumas regras como a paridade de gênero e 30% de participação de negros/pardos.

Dos 84 advogados, 70 são indicados para compor o quadro titular e suplente do Conselho Estadual, seis ao Conselho Federal entre titulares e suplentes e oito para a diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados, sendo cinco titulares e três suplentes. Os membros da diretoria que envolvem os cargos de presidente, vice-presidente, secretário-geral, secretário-geral adjunta e tesoureiro vem daqueles que vão compor o Conselho Estadual.

Dentre os que confirmaram registro de candidatura, está Kaio Saraiva, atual tesoureiro da OAB/MA e que tem o apoio do atual presidente Thiago Diaz. Ele entrega a ficha de inscrição na próxima sexta-feira (15), às 16h.

Gustavo Carvalho é outro que confirmou que estará fazendo o seu registro. Em contato com o blog, ele afirmou: “Com toda certeza, só se Deus não quiser”. Porém, não revelou quando realizará o ato. Ele terá a companhia de Márcia Cavalcante, como vice-presidente. Ela é atual presidente da subseção de Imperatriz.

Diego Sá também deve fazer o registro, informação confirmada pela advogada Ananda Farias, uma das principais apoiadoras da chapa e atual secretária-geral da OAB. No entanto, ainda não repassou quando fará a inscrição.

Quem também confirmou que irá registrar sua chapa é o jovem advogado Misael Júnior, que anunciou a intenção de fazer a inscrição até quarta-feira (13). Ele já confirmou o nome do vice-presidente, trata-se do advogado trabalhista de São Luís, Geomilson Alves Lima.

Aldenor Rebouças é outro que vai para a disputa e anuncia que pretende fazer o registro na quinta-feira (14).

Os cinco que até então confirmaram registro da candidatura, ainda fazem muito mistério sobre a formação de suas chapas. As vagas mais cobiçadas são da diretoria (cinco nomes), os três conselheiros federais titulares e o presidente da CAAMA.

Na chapa de Kaio Saraiva existe uma tendência, que Daniel Blume e Thiago Diaz sejam nomes do Conselho Federal. Na chapa de Diego Sá, Ananda Farias, Ana Brandão, Pedro Alencar e Sâmara Braúna são cotados para cargos de relevância.

A única pré-candidata que não confirmou o registro de pré-candidatura até então foi a Heliane Fernandes. ela informou “fazendo os últimos ajustes para composição”, mas espera que consiga efetuar a inscrição. Caso sejam confirmados os nomes para a disputa da presidência, será a eleição com maior quantidade de candidatos. Em 2018, foram quatro: Thiago Diaz, Carlos Brissac, Sâmara Braúna e Mozart Baldez.

Vale lembrar que após o registro da chapa, a Comissão Eleitoral da OAB vai avaliar se todos os 84 nomes cumprem os requisitos exigidos. Em 2018, Aldenor Rebouças teve sua candidatura indeferida, ele atribui o fato ao jogo de influência que seus adversários exerceram na época e agora não pretende cometer o mesmo erro.

As eleições da OAB acontecem dia 16 de novembro no formato híbrido, ou seja, quem quiser pode registrar de forma presencial, mas também o voto poderá ser depositado de forma online.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>