Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Justiça Eleitoral garante direito a prefeita de Santa Quitéria a realizar convenção para oficializar seu nome na disputa pela Prefeitura

19 de setembro de 2020 : 11:48

Após uma decisão arbitrária, intransigente e coronelista do PDT que impediu a realização de convenção partidária para referendar o nome da prefeita Aninha de Santa Quitéria à reeleição, a Justiça Eleitoral concedeu o direito da atual gestora a realizar o ato político.

A decisão é do desembargador Luiz Gonzaga, que suspendeu a intervenção no diretório municipal do PDT de Santa Quitéria por parte do senador Weverton Rocha.

Os advogados Brenno Silva Gomes e Samuel Jorge foram os responsáveis por garantir o direito político e também a prática democrática em Santa Quitéria.

Apesar do prazo encerrado das convenções partidárias, Aninha de Santa Quitéria terá direito de realizar a reunião do PDT que oficializará seu nome à reeleição. Através de um dispositivo chamado “prazo especial”, que acaba contemplando casos como esse.

Um comentário em “Justiça Eleitoral garante direito a prefeita de Santa Quitéria a realizar convenção para oficializar seu nome na disputa pela Prefeitura”

  1. Ionara costa

    1 mês atrás  

    Parabéns a ana Cláudia, que consiga sair vitoriosa dessa eleição e fazer um.exelente trabalho como ja vem fazendo.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>