Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

São Domingos prepara-se para se tornar um hospital de referência em tratamento de câncer no Norte e Nordeste

7 de agosto de 2017 : 13:44
Até o final do ano, duas câmaras de aceleradores lineares (radioterapia) entram em funcionamento no Hospital São Domingos, o que pode torná-lo referência regional em serviços de Oncologia. Na interpretação do seu fundador, Hélio Mendes, isto vai contribuir para acabar com o sofrimento de muitas pessoas, já que o tratamento de câncer, principalmente quando buscado fora do estado, não debilita apenas o paciente, mas os que precisam acompanhá-lo e isto muitas vezes implica até no consumo de um patrimônio familiar construído com muito sacrifício.
Ele diz ainda que com a entrada em funcionamento dessas câmaras, o hospital estará completo para atender quaisquer procedimentos na cura do câncer, e o que é mais importante: dispõe da melhor equipe para os diagnósticos precoces e o tratamento preventivo.

Quinta-feira (03), ao comemorar os 28 anos do HSD, com recebimento do certificado de acreditação da canadense Qmentum na categoria Diamante, Hélio Mendes disse que para montar essa estrutura, deixou o jaleco de lado e caiu em campo em busca de recursos e para monitorar obras que, segundo ele, nunca vão parar, pois o São Domingos sempre estará crescendo.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>