Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Rodoviários anunciam greve para quarta-feira

17 de maio de 2014 : 06:00

O Estado do Maranhão

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Maranhão (Sttrema) decidiu que iniciará greve a partir de quarta-feira, dia 21, por causa da falta de acordo sobre o reajuste salarial da categoria, discutido exaustivamente durante este mês. O aviso foi enviado à Prefeitura de São Luís e ao Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de São Luís (SET) no fim da manhã de ontem, após assembleia geral da categoria. Na segunda-feira, dia 19, rodoviários, empresários e representantes da Prefeitura vão se reunir no Ministério Público do Trabalho (MPT) para mais uma rodada de negociações salariais. Caso haja acordo entre as partes, a paralisação será suspensa.

Na manhã de ontem, os rodoviários se reuniram na sede do Sttrema, na Rua Afonso Pena, no Centro Histórico, para deliberarem sobre greve, uma forma de pressionar o sindicato patronal a conceder reajuste salarial aos trabalhadores. Motoristas, cobradores e fiscais decidiram iniciar greve a partir da meia-noite de quarta-feira, com paralisação de 100% da frota de ônibus da Região Metropolitana de São Luís.

A categoria pede 16% de reajuste salarial. “Isso é o mínimo para que haja acordo, mas pelo que estamos observando, são remotas as chances de atendimento aos interesses da categoria, pois até agora não recebemos nenhuma proposta de reajuste, mesmo já tendo acontecido duas reuniões, por isso, decidimos pela greve geral”, disse Gilson Coimbra, presidente do Sttrema.

O comunicado de greve foi encaminhado ao Município e ao SET no fim da manhã de ontem. Diferentemente do que aconteceu em anos anteriores, se ocorrer, a greve dos rodoviários vai paralisar também as linhas semiurbanas, que fazem o transporte de passageiros nos demais municípios da Ilha de São Luís – São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa.

Reunião – Uma nova rodada de negociações vai acontecer na segunda-feira, em reunião marcada para as 14h, na sede do Ministério Público do Trabalho (MPT). Participarão da reunião representantes dos rodoviários, da Prefeitura de São Luís, do SET e da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra). Essa será a terceira reunião entre as partes. Nas duas primeiras, nem o SET, Município ou a Sinfra apresentaram proposta de reajuste salarial. A primeira reunião foi realizada dia 7, e a segunda, dia 14.

Segundo Luís Claudio Siqueira, superintendente do SET, o posicionamento da entidade é o mesmo da última reunião realizada. “Por causa da falta de lucratividade do setor, ainda não temos nenhuma proposta de reajuste para apresentar aos rodoviários. Esperaremos para ouvir o que o Município dirá na segunda-feira, para tomarmos nossa decisão”, informou. Procurada por O Estado, a Prefeitura de São Luís não se pronunciou sobre o assunto.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>