Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Prefeitura não apresenta proposta a professores e greve pode ser anunciada nos próximos dias

28 de abril de 2014 : 10:00

Terminou na última sexta-feira (25), às 18:00 o prazo estabelecido pelo Sindeducação para que a prefeitura de São Luís e secretaria municipal de Educação protocolassem documento com a resposta sobre como a administração fará o pagamento dos direitos estatutários dos trabalhadores e trabalhadoras em educação da Rede Municipal da capital maranhense. Diante disso, após o dia 5 de maio, os professores concursados do município podem entrar em greve por tempo indeterminado.

De acordo com a presidente do sindicato, professora Elizabeth Castelo Branco, nenhum documento foi entregue até às 18h01 na recepção da sede do Sindeducação. De acordo com a líder sindical, a falta de uma resposta evidencia a falta de respeito com a entidade e sobretudo, com os 5.712 profissionais que compõem a rede municipal de educação em São Luís.

O prazo de entrega da proposta foi definido na mesa de negociação setorial com os representantes da Educação na primeira rodada ocorrida na última terça-feira (23) e reafirmado sexta-feira (25) pelo próprio secretário Geraldo Castro (PCdoB) em reunião com o sindicato e trabalhadores durante o segundo dia de Paralisação.

“Não podemos aceitar uma forma tão sem propósito da prefeitura em criar entraves para não implantar nossos direitos estatutários. Estamos defendendo o que está previsto em Lei. O Sindicato vai reunir a diretoria e definir quais serão os próximos passos da luta para que nossos direitos sejam definitivamente implantados.”, disse a presidente.

3 comentários em “Prefeitura não apresenta proposta a professores e greve pode ser anunciada nos próximos dias”

  1. Jorcelina

    9 anos atrás  

    Antes de saírem querendo fazer greve, aconselho que a classe espere mais um pouco. A prefeitura deve estar fazendo sua parte em procurar meios para resolver tal em impasse. O mal das pessoas é não terem um pouco mais de paciência. Querem que tudo seja feito segundo sua vontade. Não é bem assim que as coisas funcionam. Vamos ter cautela então gente!

  2. Mariana Fonseca

    9 anos atrás  

    Com tanta oportunidade que o prefeito tem dado pra qualificar os professores do município…pra mim os professores estão se precipitando um pouco. Deveriam articular melhor uma nova conversa, uma greve agora vai prejudicar e muito o andamento da educação.

  3. joice

    9 anos atrás  

    Acho que isso é complô da oposição, haja vista a educação já melhorou e muito,a gora querem greves. aff!!! vamos dar educação p nossas crianças. isso sim devemos fazer.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>