Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

A Litorânea foi esquecida

31 de dezembro de 2013 : 17:08
É comum observarmos em cidades que não tem mar, a população exclamar, “queria passar a virada de ano na praia”. Absolutamente normal. Afinal existe coisa melhor do que viver a chegada de um novo ano com a brisa do mar, pisar na areia da praia e pular sete ondinhas em busca de realizações de desejos?
Litorânea já teve muita alegria na virada de ano, hoje é esquecida
Pois é, mas tudo isso vem sendo esquecido em São Luís, simplesmente a Litorânea é esquecida pelo segundo ano consecutivo pelas festas realizadas pelo governo e também pela prefeitura, que mais uma vez não soltará um foguete para comemorar a chegada do novo ano.
Prejuízo certo para os donos de bares da Avenida Litorânea, que margeia as praias da Marcela, São Marcos, Caolho e Calhau. Decepção para o turista que tem que ir para uma região afastada da cidade, que não tem acesso por meio de transporte público e tem uma série de dificuldades por fica encrustada em uma zona residencial. Ruim para os moradores da região da Lagoa da Jansen, que se já não aguentam o período junino, agora tem que passar a virada de ano escutando festa até altas e encontrar um mar de sujeira na porta de sua casa.
Não me conformo em saber que a nossa Litorânea está sendo subaproveitada pelo nosso poder público. Lamento muito e acredito não ser apenas eu, mas a população e os turistas também.
Que para o próximo, prefeitura e/ou governo possam pensar a virada de ano de frente para o mar.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>