Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Obras da Ponte do São Francisco recebem vistoria

7 de novembro de 2022 : 07:06

Equipes da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra) estiveram na Ponte São Francisco, neste domingo (6), para realizar vistoria no local e definir um cronograma de ações a serem executadas na estrutura. O trecho da cabeceira da ponte e as passarelas de pedestres foram interditadas para a avaliação. Engenheiros projetistas fizeram análise técnica no local para compor relatório que servirá à elaboração do projeto de recuperação estrutural. A ponte foi inaugurada em 1970 e é a principal via de ligação entre os bairros Centro e São Francisco.

“A Ponte São Francisco, nesta suas décadas de existência, sempre tem passado por manutenções e serviços, por conta do tempo e do grande fluxo de tráfego de pessoas e veículos que temos aqui. O governador Carlos Brandão nos orientou que essa etapa de ações fosse iniciada de imediato. Estamos com equipamentos de fora do estado, na fase de elaboração de um projeto que devemos concluir até final deste mês e, assim, iniciarmos os trabalhos o mais rápido possível”, destacou o secretário de Estado de Infraestrutura (Sinfra), Aparício Bandeira.

O secretário adjunto de Gestão Civil da Sinfra, Fabiano Junqueira, ressaltou que, além da Ponte São Francisco, outras estruturas de concreto armado do estado recebem vistoria regular e citou viadutos, as pontes Bandeira Tribuzzi e a Governador Newton Bello. O objetivo dessas ações é garantir a segurança das estruturas para quem trafega nos locais.

“Na Ponte São Francisco, antecipamos os trabalhos para que pudéssemos liberar, o mais rápido possível, o tráfego de pedestres, que é o trecho mais demandado. Esta última avaliação vai gerar um relatório que servirá de base aos serviços a serem realizados, assim como nortear interdições e redimensionamento de tráfego”, ressaltou Junqueira.

Especialista em Estruturas, Eduardo Aguiar, explicou a condução das ações. “Realizamos uma avaliação inicial da estrutura e, agora, os ensaios, para que possamos fundamentar o parecer e trabalhar um projeto de recuperação dessa estrutura. Vamos solicitar a intervenção das passarelas, onde há um risco pontual de problemas. Em relação à via de rodagem dos veículos, não há necessidade de ser interditada”, disse. Sobre os serviços que serão executados, ele informou que haverá definição após análise do relatório da avaliação.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>