Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Saiba como vai funcionar a gratuidade de transporte de ferryboat, lanchas, vans e ônibus nos dias 29, 30 e 31 de outubro

24 de outubro de 2022 : 19:01

Em coletiva realizada na tarde desta segunda-feira (24) o presidente da Agência Estadual de Mobilidade Urbana (MOB), Gilberto Lins, explicou o funcionamento da gratuidade nos transportes intermunicipais, aquaviários, lanchas para Alcântara e vans para que os maranhenses tenham o livre exercício do voto neste 2º turno das eleições, que será dia 30.

Para usufruir da gratuidade, o usuário dos transportes deverá apenas apresentar o título de eleitor ou e-título em seu aparelho para comprovar que o seu local de votação fica no destino final da viagem.

“Esta gratuidade obedece à portaria Nº 422, de 21 de outubro de 2022, que trata da gratuidade para travessia de ferryboat destinada para veículos e passageiros, e a portaria Nº 423, que fala da gratuidade do ferryboat, além dos barcos com destino a Alcântara. Esta medida incentiva a prática da democracia e facilita o acesso da população aos locais de votação”, disse o presidente da MOB, Gilberto Lins.

Saiba os horários da gratuidade

Transporte Aquaviário Intermunicipal
A gratuidade nas embarcações de ferryboat é destinada para o transporte de veículos e passageiros, nos dias 29, 30 e 31.
Com os seguintes horários disponíveis e itinerários:

Sábado, 29/10 – 0h às 23h59
Itinerário: Terminal da Ponta da Espera (São Luís) para o Terminal do Cujupe (Alcântara).

Domingo, 30/10 – 0h às 12h
Itinerário: Terminal da Ponta da Espera (São Luís) para o Terminal do Cujupe (Alcântara).

Domingo, 30/10 – 12h às 23h59
Itinerário: Terminal do Cujupe (Alcântara) para o Terminal da Ponta da Espera (São Luís).

Segunda, 31/10 – 0h às 12h
Itinerário: Terminal do Cujupe (Alcântara) para o Terminal da Ponta da Espera (São Luís).

Transporte Rodoviário Intermunicipal (ferryboat)

Além das viagens de ferryboats ofertadas de forma gratuita aos passageiros, o Governo do Maranhão estendeu o serviço para os usuários das vans que realizam a travessia pelos Terminais da Ponta da Espera e do Cujupe.
Abaixo, os horários disponíveis para as viagens:

Sábado, 29/10 – 0h às 23h
Itinerário: São Luís com destino a municípios da Baixada (via ferryboat).

Domingo, 30/10 – 0h às 12h
Itinerário: São Luís com destino a municípios da Baixada (via ferryboat).

Domingo, 30/10 – 12h01 às 0h
Itinerário: Municípios da Baixada com destino a São Luís (via ferryboat).

Dúvidas sobre o transporte gratuito nas eleições?

O que será gratuito?
– Ferryboat- Vans e ônibus credenciados que usam o ferryboat
– Transporte do Anel Viário para a Ponta da Espera
– Lanchas entre São Luís (Cais da Praia Grande) e Alcântara
– Ônibus semiurbanos na Região Metropolitana de São Luís e de Imperatriz

E os veículos particulares no ferry?
Vão ter gratuidade também.

Vale para ida e volta?
– Sim.

Quando vale?
– Ferryboat de São Luís para a Baixada: sábado inteiro e domingo até meio dia
– Ferryboat da Baixada para São Luís: meio dia de domingo até meio dia de segunda-feira
– Vans e ônibus credenciados (via ferry) de São Luís para a Baixada: sábado inteiro e domingo até meio dia
– Vans e ônibus credenciados (via ferry) da Baixada para São Luís: meio dia de domingo até meia noite de domingo
– Lanchas de São Luís a Alcântara e de Alcântara a São Luís: sábado e domingo inteiros
– Ônibus semiurbanos na Região Metropolitana de São Luís e de Imperatriz: das 5h às 22h de domingo

O que devo fazer?
Apresentar o título de eleitor (físico ou pelo aplicativo E-Título).

Preciso tirar as passagens com antecedência?
Não. Será apenas na hora.

Como será o transporte com as vans?
Os passageiros embarcam a pé no ferry e depois pegam as vans no terminal até o destino final.

Como será a ordem de embarque no ferry?
Fila por ordem de chegada.

E quem já comprou a passagem?
Terá o embarque garantido no horário previsto.

Haverá limites para veículos no ferry?
Sim: 4 caminhões e 40 motos a cada viagem. Carros vão até a capacidade limite.

Qual a justificativa para a gratuidade?
O Governo do Maranhão está seguindo resolução do TSE.

E em outras cidades?
Cada prefeitura decide se haverá gratuidade ou não. O Governo do Maranhão não pode tomar essa decisão.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>