Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Senado adia a criação de comissão de avaliação dos ferryboats do Maranhão

18 de agosto de 2022 : 08:19
Na quarta-feira (17), o Senado adiou a instalação de comissão temporária externa que seria iniciada para avaliar a prestação de serviços de ferry boats no Maranhão. A decisão ocorreu após a senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) relatar uma série de ordens não cumpridas, irregularidades que impossibilitariam a avaliação justa do serviço no Estado.
Inicialmente, a comissão requerida pelo senador Roberto Rocha (PTB-MA) tinha um prazo para funcionar em 120 dias com o colegiado formado, além do parlamentar, pelos senadores Roberth Bringel (União-MA) e Ângelo Coronel (PSD-BA). Os senadores Eliziane Gama (Cidadania-MA) e Eduardo Girão (Podemos-CE) haviam sido indicados a ocupar duas das três vagas para suplentes.
Na ocasião, Eliziane contestou fortemente a formação do colegiado, que iria resultar em apenas três membros. A parlamentar questionou, ainda, por qual razão não seria possível inserir entre 9 e 11 integrantes, tal como em outras comissões externas do Senado.
“Por que não temos uma comissão de 11 membros? Por que temos que ter só três? Para apenas dois formarem a maioria? Isso é ditadura. Isso não se aceita, não se admite”, questionou Gama.
Adiamento
Diante da dificuldade, o então presidente da reunião, Roberth Bringel, decidiu tanto por rejeitar as ordens de Eliziane, quanto pelo adiamento da instalação da comissão. Bringel sugeriu, ainda, que a senadora apresente requerimento que possibilite a ampliação do colegiado.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>