Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Candidato ao Governo do Maranhão está na lista de inelegíveis do Tribunal de Contas da União

12 de agosto de 2022 : 11:20

A disputa eleitoral para o Governo do Maranhão pode voltar a ter oito candidatos, uma vez que o Professor Joas (DC), aparece na lista dos inelegíveis do Tribunal de Contas da União.

Joas Moraes dos Santos foi condenado por conta da Tomada de Contas Especial instaurado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico — CNPq, pelo descumprimento do Termo de Concessão e Aceitação de Apoio Financeiro a Projeto de Pesquisa Científica e/ou Tecnológica, por ocasião da concessão do auxílio visando ao desenvolvimento do projeto denominado “Projeto Casa Brasil de Imperatriz”.

O processo foi aberto em 2014 e após 5 anos, o Professor Joas foi condenado, ficando inelegível até 2027.

Professor Joas tem como vice Ricardo Medeiros, que comandou a Blitz Urbana de São Luís na gestão de João Castelo.

Caso tenha sua candidatura indeferida pelo Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, o DC pode substituir Professor Joas até dez dias após o julgamento.

Outros inelegíveis

Quem também figura na lista de inelegíveis do TCU é o deputado federal Júnior Lourenço (PL), assim como o candidato a deputado federal Magno Bacelar (PP).

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>