Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Carlos Brandão reúne vereadores de São Luís e mantém maioria na Câmara Municipal

5 de julho de 2022 : 09:56

O governador Carlos Brandão (PSB) por um intermédio de uma articulação do secretário estadual de Cultura, Paulo Victor (PCdoB), reuniu na noite de segunda-feira (4), os vereadores de São Luís e mostrou que mantém a maioria no parlamento municipal. Foram 17 legisladores presentes, alguns inclusive de partidos que possuem pré-candidatos ao Governo como o caso de Marquinhos (PSC), que é do partido de Lahesio Bonfim.

O diálogo mostra o avanço de Brandão nas pesquisas e que fortalece seu nome. Os vereadores estão em mobilização constante realizando ações em suas áreas de atuação.

Agora estão envolvidos também com a caravana O Maranhão não pode parar – que também fortalece as pré-candidaturas de Flávio Dino (ao Senado), de Felipe Camarão (a vice de Brandão) e a de Lula (à Presidência da República) -, iniciada no bairro Sacavém, em São Luís, por iniciativa do vereador Beto Castro.

Além de Castro, os demais vereadores que se reuniram com Brandão foram:

Edson Gaguinho, Marquinhos, Fátima Araújo, Concita Pinto, Thyago Freitas, Domingos Paz, Andrey Monteiro, Coletivo Nós, Marcial Lima, Zeca Medeiros, Antonio Garcez, Chaguinhas, Umbelino Júnior, Astro de Ogum, Ribeiro Neto, Marlon Botão, Marcos Castro, Chico Carvalho, Anderson Martins, Marcelo Poeta e o atual secretário de Estado da Cultura, Paulo Victor, que é presidente eleito da Câmara, e além de ter articulado a reunião com os vereadores, tem sido muito atuante na pasta estadual, realizando um trabalho de destaque e, consequentemente, fortalecendo o nome do governador.

O primeiro evento reuniu mais de 3 mil pessoas, e os próximos também devem fazer grandes mobilizações por todo o estado para levar a mensagem de continuidade do Governo.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>