Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Sérgio Frota sentencia que “custe o que custar”, ele vai levar o Sampaio a série A

12 de novembro de 2021 : 08:32

O Sampaio venceu com autoridade o Vila Nova/GO na quinta-feira (11), e garantiu a permanência na Série B de 2022. Dessa forma no próximo ano será a 19ª participação do clube maranhense na história da 2ª divisão do Campeonato Brasileiro e a sétima nos últimos 20 anos. Empolgado com o resultado e com a recém-reeleição para presidente, Sérgio Frota sentenciou que vai colocar a Bolívia Querida na primeira divisão do Brasileirão.

A última vez que o Sampaio esteve na Série A do Campeonato Brasileiro em 1986 e no total o clube já disputou, a primeira divisão 12 vezes.

“Prometo nesse próximo mandato que será o meu último à frente da Bolívia Querida e termina no ano do seu Centenário, levá-la à série A. Custe o que custar vamos buscar as condições necessárias e suficientes para isso. O trabalho feito ao longo da nossa gestão faz do Sampaio hoje um Clube saneado financeiramente, com uma estrutura de série B, com credibilidade em todo o Brasil e apto a trazer os investimentos que não temos por aqui. Que Deus nos abençoe, o trabalho continua”, sentenciou Sérgio Frota.

O atual presidente do Sampaio assumiu o clube em 2008, quando o clube estava afundado em dívidas e cinco anos sem ganhar o Campeonato Maranhense. Sérgio Frota então organizou a casa e em 2010 encerrou o jejum de títulos ao vencer o estadual.

Nos últimos 13 anos, o Sampaio foi 7 vezes campeão Maranhense; campeão da Série D (2012); vice-campeão da Série C em 2013 e 2019; campeão da Copa do Nordeste (2018) e chegou a disputar a fase de oitavas de finais da Copa do Brasil.

Enquanto que seus adversários locais caíram em crises, caso do Moto Club que foi rebaixado duas vezes para Série B do Maranhense em 2009 e 2012, e permanece na quarta divisão do Campeonato Brasileiro. Já o Maranhão, está na segunda divisão do estadual e sem competições a nível nacional.

Para 2022, o Sampaio já tem garantida a presença na fase de grupos da Copa do Nordeste, a Copa do Brasil (1ª fase), a Série B e o Maranhense.

2 comentários em “Sérgio Frota sentencia que “custe o que custar”, ele vai levar o Sampaio a série A”

  1. José Alcides moreora

    1 ano atrás  

    força presidente Sérgio frota,acreditamos no seu trabalho..tenho reconhecimento

    pelo seu trabalho ao longo desses 14
    anos
    ..críticas construtivas são válidas,porém ter reconhecimento é fundamental.
    Abs presidente rumo a série Á

  2. Douglas

    1 ano atrás  

    Só precisa dizer em qual século!!

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>