Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Possível fusão entre PP, PSL e Republicanos pode colocar Fufuca, Cléber Verde, Gil Cutrim e Pedro Lucas juntos

26 de agosto de 2021 : 07:24

As direções partidários do PP, PSL e Republicanos vem dialogando para fundir os partidos e torná-lo na maior agremiação partidária do país. O novo partido terá a missão de ampliar a governabilidade de Jair Bolsonaro junto ao Congresso, em um movimento considerado essencial para o presidente neste momento. E caso isso venha acontecer vai colocar no mesmo partido André Fufuca do PP, Pedro Lucas que está apalavrado com o PSL e Cléber Verde e Gil Cutrim do Republicanos.

No âmbito estadual, o partido reuniria Dra Thaiza Hortegal e Ciro Neto do PP, Pará Figueiredo do PSL e Fábio Macedo e Ariston Ribeiro do Republicanos.

Porém com essa nova composição é muito provável, que muito destes parlamentares acabem optando por deixar o futuro partido. E antes mesmo que isso aconteça, um nome já é muito provável que não fique, trata-se de Ariston que já negocia uma possível filiação ao PSDB.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>