Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Apoio de Lula, nunca ajudou a eleger prefeito em São Luís. Veja o retrospecto!

18 de setembro de 2020 : 05:03

O candidato a prefeito de São Luís, Rubens Júnior (PCdoB), está apostando todas as suas fichas no nome do ex-presidente Lula para chegar ao segundo turno da disputa. No entanto, o apoio do petista nunca foi suficiente para levar qualquer um a vitória na capital maranhense.

Em 2004, quando Lula já era presidente, o petista e seu partido, o PT, apostaram em Helena Heluy que terminou com 3,65%. No ano de 2008, o Partido dos Trabalhadores indicou o candidato a vice-prefeito Rodrigo Comerciário na chapa de Flávio Dino e chegou ao segundo turno, sendo derrotado no final por João Castelo (falecido).

No ano de 2012, o PT e Lula voltaram a apostar em um candidato do próprio partido. Na época, já ex-presidente e se recuperando de um câncer, o petista gravou um vídeo de apoio a Washington Luiz. Mas, o atual conselheiro do TCE-MA, terminou com 11%.

Em 2016, Lula não declarou voto em São Luís, apesar do apoio formal do PT a Edivaldo Holanda Júnior e ele acabou saindo vitorioso.

Diante desse breve retrospecto, fica bem evidente que todas as vezes que Lula declarou apoio e pediu voto, não foi suficiente para levar o seu candidato a vitória.

Agora em 2020, Rubens Júnior tem a oportunidade mudar a história ou apenas confirmar que voto não se transfere tão fácil como pensam…

 

 

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>