Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Candidato a presidência do PT no Maranhão insinua que Augusto Lobato deseja se perpetuar no comando do partido

11 de setembro de 2019 : 15:24

O candidato a presidência do PT no Maranhão, Francimar Melo, enviou uma carta aos petistas lamentando a situação em que o estado está vivendo por conta da não conclusão da apuração de votos da disputa pelo comando dos diretórios municipais e estadual. Sem citar nomes, o petista declarou: Triste é verificar que a ação de alguns poucos que pretendem se perpetuar na direção partidária”. A fala é uma clara insinuação ao presidente Augusto Lobato que está no comando desde 2017 e já ocupou o cargo de vice-presidente entre 2013 e 2017.

Confira na íntegra a nota:

Companheiros e companheiras,

O Partido dos (as) Trabalhadores (as) no Maranhão mostrou o seu vigor ao levar quase 18 mil filiados às urnas, no último domingo, no Processo de Eleições Diretas (PED), para escolher suas direções partidárias.

Como candidato a presidente do PT/MA, pude constatar o entusiasmo dos militantes petistas de todas as regiões do Estado e suas esperanças no crescimento do PT, visto como instrumento fundamental no enfrentamento contra o desgoverno do Bolsonaro que, através da fraude e da mentira, chegou ao poder no Brasil.

É com este sentimento que liderei nossa chapa. Outros companheiros também se lançaram e partiram para a disputa num salutar confronto de ideias.

Entretanto, três dias após o término da votação e com os votos sendo apurados imediatamente nos próprios municípios onde o processo se realizou, o Maranhão não dispõe de resultados conclusivos. Reedição de antigas práticas fez com que 53 municípios não tivessem seus votos computados, incluído entre estes São Luís, onde 12 urnas permanecem lacradas.

Triste é verificar que a ação de alguns poucos que pretendem se perpetuar na direção partidária venha a toldar o ambiente de disputa de programas e de festa partidária a que se propôs a imensa maioria do partido.

É triste verificar que o não acatamento às resoluções e orientações da Comissão de Organização Eleitoral nacional transferiu para o âmbito superior decisões que poderiam e deveriam ser tomadas no Maranhão.

Estou confiante que o processo em curso será concluído e parabenizo a todas e todos que votaram no PED com objetivo de fortalecer e oxigenar o nosso partido.

LULA LIVRE JÁ

Viva o Partido dos (as) Trabalhadores (as)!

Francimar Melo

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>