Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Título do Imperatriz quebra hegemonia de clubes de São Luís e garante quase R$2 milhões nos cofres

14 de abril de 2019 : 11:22

O título do Imperatriz conquistado no sábado (13), sobre o Moto Club, quebrou a hegemonia dos clubes de São Luís que durava desde 2015, entre 2016 e 2018, o rubro-negro e o Sampaio se revezaram na conquista do Campeonato Maranhense. Fora isso, o Cavalo de Aço garantiu a vaga na Copa do Nordeste e na Copa do Brasil de 2020, e baseado nos valores trabalhados esse ano, o clube irá embolsar quase R$2 milhões.

Antes das competições regional e nacional, o Imperatriz ainda disputará a Terceira Divisão do Campeonato Brasileiro, que pode acabar colocando o Cavalo de Aço na elite do futebol brasileiro entre os 40 maiores clubes do país, a partir de 2020, além mais dinheiro com cotas de televisão.

Com organização e competência, o Imperatriz pode se tornar a segunda maior força do Maranhão. Antes do título desse ano, o Cavalo de Aço já tinha sido campeão em 2005 e 2015, assim como chegou nas finais de 2007, 2013 e 2018. Nas competições nacionais, o clube precisa melhorar seu desempenho, o acesso da série D para série C em 2018, foi o melhor desempenho do alvirrubro.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>