Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Maranhão tem a menor renda domiciliar do país. Valor é menos da metade da média nacional

28 de fevereiro de 2019 : 07:27

O rendimento domiciliar per capita (por pessoa) do Brasil ficou em R$ 1.373 em 2018, segundo dados divulgados na quarta-feira (27) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No entanto, o Maranhão mais uma vez ficou o menor rendimento por pessoa do país, de R$ 605 por morador, o que representa menos da metade da média nacional.

Segundo o IBGE, o rendimento domiciliar per capita é o resultado da soma da renda recebida por cada morador, dividido pelo total de moradores do domicílio. O cálculo inclui pensionistas, domésticos e seus familiares.

Ainda de acordo com o IBGE no país o crescimento do valor da renda per capita foi de 8,2% maior que a média nacional em 2017 (sem considerar a inflação). Porém no Maranhão, esse valor foi de apenas 1,32%. Em 2017, o valor era de R$597 e agora subiu apenas R$8.

Em comparação com os estados vizinhos, o Maranhão possui uma grande diferença. O Piauí possui uma renda per capita de R$817, já o Pará R$863 e o Tocantins R$1045. Enquanto isso no Rio de Janeiro, a renda domiciliar per capita subiu de R$ 1.445 para R$ 1.698 no ano passado, uma elevação de 17,5%, o maior crescimento do país.

No entanto, a maior renda domiciliar média segue no Distrito Federal com R$2640, seguido por São Paulo de R$1898 e Rio Grande do Sul com R$1750.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>