Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Governo Flávio Dino admite que não tem como pagar aposentados e pensionistas em 2019

8 de novembro de 2018 : 08:09

Jornal O Estado do Maranhão

Técnicos da Secretaria de Estado do Planejamento e Orçamento (Seplan) do governo Flávio Dino (PCdoB) admitiram ontem, durante audiência na Comissão de Orçamento, Finanças, Fiscalização e Controle da Assembleia Legislativa que o Estado não tem disponibilidade de caixa para honrar o pagamento de pensões e aposentadorias de beneficiários no ano que vem.

A revelação foi feita aos deputados integrantes do colegiado, na primeira discussão sobre a Proposta de Lei Orçamentária Anual (PLOA) de 2019. A relatora da matéria é a deputada Francisca Primo (PCdoB) que deve levar o texto final ao plenário no mês de dezembro.

Ao explanar a proposta aos parlamentares, o subsecretário de Planejamento e Orçamento, Marcelo Duailibe, o secretário adjunto da pasta, Roberto Matos, e técnicos do órgão informaram que, atualmente, a Previdência estadual conta com apenas R$ 200 milhões em caixa. Mas a previsão de gastos com pensões e aposentadorias para o ano que vem é de R$ 2,4 bilhões.

Parte da diferença, informaram os membros do governo, deve ser compensada com a alienação de bens do Estado. Com a venda de terrenos e prédios públicos, por exemplo, a gestão comunista estima arrecadar R$ 502 milhões.

“Com esse mesmo tipo de alienação, em 2018, até agora o governo só arrecadou R$ 788 mil. Não arrecadou nem R$ 1 milhão. Como se explica o aumento dessa receita em 2019 para meio bilhão? O problema é que ninguém explica objetivamente como isso será feito”, reclamou o deputado César Pires (PV) após a reunião. Ele questionou quais seriam os bens a serem alienados e como o governo poderia ter certeza da liquidez dos negócios ao longo do ano.

Em resposta, os enviados da Seplan informaram apenas que, caso não haja sucesso nessas operações, o governo “tem um plano B”.

Leia a reportagem completa aqui…

12 comentários em “Governo Flávio Dino admite que não tem como pagar aposentados e pensionistas em 2019”

  1. Thiago

    6 dias atrás  

    O deputado Adriano Sarney vem alertando há tempos sobre as ações irresponsáveis deste governo em relação às finanças do Estado e ao futuro dos servidores públicos estaduais, aposentados e pensionistas.

  2. 6 dias atrás  

    Só falta o governador ir às redes sociais e dizer que a culpa é do Bolsonaro pela crise do estado, que ao que tudo indica está piorando, ele poderia cortar gastos. E, agora, Dinóquio o que você vai fazer?

  3. Jouberth

    6 dias atrás  

    Com quantos milhões, digo, bilhões ele acho o caixa do FEPA quando ele assumiu como governador???
    O que foi feito do dinheiro???

  4. Bruno da Juventude

    6 dias atrás  

    Por tantas vezes compartilhei nas minhas redes sociais os alertas do Dep. Adriano Sarney e hoje tenho a infelicidade de dizer que o Dep. Adriano Sarney estava certo, pois quem dera que ele estivesse falando devaneios… há meses ele tinha razão em dizer que o Governador Flávio Dino estava quebrando com os fundos de pensão dos servidores estaduais. Dessa vez quem deu essas declarações foram: o subsecretário de Planejamento e Orçamento, Marcelo Duailibe, o secretário adjunto da pasta, Roberto Matos, e técnicos.

    Flávio Dino está quebrando o Estado do Maranhão, e o Deputado Adriano Sarney vem alertando há tempos!

  5. iara ribeiro

    6 dias atrás  

    e como vai viver os aposentados e pensionistas? irão passar fome,por falta de uma pessíma administração logo agora depois das eleições!!! Mostra a sua competência sr.Flávio dino. AJUDE AJUDE

  6. 6 dias atrás  

    Esse mesmo irresponsável teve a ousadia de criticar o Capitão? Pobre do Estado que manteve esse péssimo administrador no poder.

  7. 6 dias atrás  

    Governador irresponsável tu não está louco deixar os aposentados e pensionistas morrerem de fome. Cadê o nosso dinheiro que tu gastou na tua campanha, cabra safado.

  8. RUBENS FEITOSA

    6 dias atrás  

    Faz tempo que esse governador de meia tigela vem desviando os recursos do FEPA para outras “áreas” e os deputados não apenas viam isso como aprovavam. Agora está aí o resultado.

  9. E delta

    6 dias atrás  

    Então, mas acharam que ele era tao bom que reelegeram. Agora ele vem com essa de falta de recursos. Efa o que ele queria continuar no governo.

  10. Maria Elana

    6 dias atrás  

    Esse governo e um pecimo governador não tem capacidade para administrar um estado,ele já. Provou uma mal administração a prova tar ai sua carta de incompetências ,tá na hora de realizar o impitimo ,tenho pena das familia que nao vão receber sua aposentadoria,por causa da irresponsabilidade do governo Flávio Dino.

  11. Lylian Almeida

    4 dias atrás  

    Só lembrando, tanto aos leitores como ao repórter. NÃO EXISTE COMUNOSMO NO BRASIL.
    Já estudaram? Sabem como funciona o comunismo, o socialismo e os demais sistemas. Quanta asneira.

  12. Francisco Tavares

    4 dias atrás  

    Teria a curiosidade de saber porque
    Só Deputado Federal é corrupto
    Os Estaduais são todos santinhos
    Kkkkk auditoria em todas as Assembleias Estaduas

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>