Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Governo Flávio Dino admite que não tem como pagar aposentados e pensionistas em 2019

8 de novembro de 2018 : 08:09

Jornal O Estado do Maranhão

Técnicos da Secretaria de Estado do Planejamento e Orçamento (Seplan) do governo Flávio Dino (PCdoB) admitiram ontem, durante audiência na Comissão de Orçamento, Finanças, Fiscalização e Controle da Assembleia Legislativa que o Estado não tem disponibilidade de caixa para honrar o pagamento de pensões e aposentadorias de beneficiários no ano que vem.

A revelação foi feita aos deputados integrantes do colegiado, na primeira discussão sobre a Proposta de Lei Orçamentária Anual (PLOA) de 2019. A relatora da matéria é a deputada Francisca Primo (PCdoB) que deve levar o texto final ao plenário no mês de dezembro.

Ao explanar a proposta aos parlamentares, o subsecretário de Planejamento e Orçamento, Marcelo Duailibe, o secretário adjunto da pasta, Roberto Matos, e técnicos do órgão informaram que, atualmente, a Previdência estadual conta com apenas R$ 200 milhões em caixa. Mas a previsão de gastos com pensões e aposentadorias para o ano que vem é de R$ 2,4 bilhões.

Parte da diferença, informaram os membros do governo, deve ser compensada com a alienação de bens do Estado. Com a venda de terrenos e prédios públicos, por exemplo, a gestão comunista estima arrecadar R$ 502 milhões.

“Com esse mesmo tipo de alienação, em 2018, até agora o governo só arrecadou R$ 788 mil. Não arrecadou nem R$ 1 milhão. Como se explica o aumento dessa receita em 2019 para meio bilhão? O problema é que ninguém explica objetivamente como isso será feito”, reclamou o deputado César Pires (PV) após a reunião. Ele questionou quais seriam os bens a serem alienados e como o governo poderia ter certeza da liquidez dos negócios ao longo do ano.

Em resposta, os enviados da Seplan informaram apenas que, caso não haja sucesso nessas operações, o governo “tem um plano B”.

Leia a reportagem completa aqui…

12 comentários em “Governo Flávio Dino admite que não tem como pagar aposentados e pensionistas em 2019”

  1. Thiago

    10 meses atrás  

    O deputado Adriano Sarney vem alertando há tempos sobre as ações irresponsáveis deste governo em relação às finanças do Estado e ao futuro dos servidores públicos estaduais, aposentados e pensionistas.

  2. 10 meses atrás  

    Só falta o governador ir às redes sociais e dizer que a culpa é do Bolsonaro pela crise do estado, que ao que tudo indica está piorando, ele poderia cortar gastos. E, agora, Dinóquio o que você vai fazer?

  3. Jouberth

    10 meses atrás  

    Com quantos milhões, digo, bilhões ele acho o caixa do FEPA quando ele assumiu como governador???
    O que foi feito do dinheiro???

  4. Bruno da Juventude

    10 meses atrás  

    Por tantas vezes compartilhei nas minhas redes sociais os alertas do Dep. Adriano Sarney e hoje tenho a infelicidade de dizer que o Dep. Adriano Sarney estava certo, pois quem dera que ele estivesse falando devaneios… há meses ele tinha razão em dizer que o Governador Flávio Dino estava quebrando com os fundos de pensão dos servidores estaduais. Dessa vez quem deu essas declarações foram: o subsecretário de Planejamento e Orçamento, Marcelo Duailibe, o secretário adjunto da pasta, Roberto Matos, e técnicos.

    Flávio Dino está quebrando o Estado do Maranhão, e o Deputado Adriano Sarney vem alertando há tempos!

  5. iara ribeiro

    10 meses atrás  

    e como vai viver os aposentados e pensionistas? irão passar fome,por falta de uma pessíma administração logo agora depois das eleições!!! Mostra a sua competência sr.Flávio dino. AJUDE AJUDE

  6. 10 meses atrás  

    Esse mesmo irresponsável teve a ousadia de criticar o Capitão? Pobre do Estado que manteve esse péssimo administrador no poder.

  7. 10 meses atrás  

    Governador irresponsável tu não está louco deixar os aposentados e pensionistas morrerem de fome. Cadê o nosso dinheiro que tu gastou na tua campanha, cabra safado.

  8. RUBENS FEITOSA

    10 meses atrás  

    Faz tempo que esse governador de meia tigela vem desviando os recursos do FEPA para outras “áreas” e os deputados não apenas viam isso como aprovavam. Agora está aí o resultado.

  9. E delta

    10 meses atrás  

    Então, mas acharam que ele era tao bom que reelegeram. Agora ele vem com essa de falta de recursos. Efa o que ele queria continuar no governo.

  10. Maria Elana

    10 meses atrás  

    Esse governo e um pecimo governador não tem capacidade para administrar um estado,ele já. Provou uma mal administração a prova tar ai sua carta de incompetências ,tá na hora de realizar o impitimo ,tenho pena das familia que nao vão receber sua aposentadoria,por causa da irresponsabilidade do governo Flávio Dino.

  11. Lylian Almeida

    10 meses atrás  

    Só lembrando, tanto aos leitores como ao repórter. NÃO EXISTE COMUNOSMO NO BRASIL.
    Já estudaram? Sabem como funciona o comunismo, o socialismo e os demais sistemas. Quanta asneira.

  12. Francisco Tavares

    10 meses atrás  

    Teria a curiosidade de saber porque
    Só Deputado Federal é corrupto
    Os Estaduais são todos santinhos
    Kkkkk auditoria em todas as Assembleias Estaduas

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>