Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Morre mãe do advogado Bruno Mattos assassinado em 2014

4 de junho de 2018 : 13:33

Morreu na madrugada desta segunda-feira (4), Esmeralda Matos, mãe do advogado Bruno Mattos que foi assassinado a golpe de faca na saída de uma festa da comemoração da vitória do senador Roberto Rocha em 2014. Nos últimos anos, os pais – Esmeralda e Rubem Soares – lutaram por Justiça.

No ano de 2017, o engenheiro civil Diego Polary foi condenado a oito anos de prisão, porém segue em em liberdade até que o recurso seja julgado em segunda instância. Carlos Marão também foi condenado por participação no assassinato, assim como tentativa de homicídio de Alexandre Matos e Kelvin Chiang.

Esmeralda Matos desde que perdeu o filho entrou em depressão. Nos últimos acabou adquirindo a síndrome de mielodisplasica a quual evoluiu para uma leucemia, tudo isso causado por conta do sofrimento de ter perdido um filho precocemente e o descaso da Justiça, por ser morosa.

As informações são do Blog Samuel Araújo.

2 comentários em “Morre mãe do advogado Bruno Mattos assassinado em 2014”

  1. Henrique Augusto Carvalho Soares

    4 meses atrás  

    Extremamente triste e doloroso pra todos nós. Qual justiça deve ser aplicada? Acompanho e sofro de perto tudo isso. Sou cunhado da Esmeralda, irmão do Rubem e tio do Brunno e do Alexandre. Se a imprensa tivesse em mãos o que tenho nas minhas, a justiça não teria que esconder tudo o que finge não saber. Obrigado pela matéria. Henrique Augusto Carvalho Soares

  2. Rubem Soares

    1 mês atrás  

    Obrigado pela divulgação. Você está correto ao dizer que minha mulher morreu em função da morte do nosso filho. Esse assassino matou uma família toda. Jamais seremos os mesmos. Obrigado!!

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>