Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Segurança Pública do Maranhão está um caos, mas Governo usa operação abafa para maquiar números

7 de maio de 2018 : 11:59

O Governo do Maranhão vive a divulgar números que apresentam redução da violência no estado. Porém, especialistas e servidores da Segurança Pública afirmam que está existindo de forma sistemática uma operação abafa, para manipular os números dos crimes e também evitar a elucidação de diversos práticas delituosas, principalmente assassinatos.

Em entrevista a rádio Difusora AM 680, o presidente do Sindicato dos Policiais Civis, Elton Neves, disse: “quantos crimes não são solucionados? quantos estão por ser concluídos? Se fossemos fazer um levantamento seria assustador a quantidade de inquéritos que morrem nas delegacias, pois não tem quem investigue”.

O presidente do SINPOL ainda completou: “Não existe o compromisso com o real”. A fala do policial civil só corrobora com outras denúncias feitas em relação ao Sistema de Segurança Pública.

De acordo com o apurado, as mortes nos presídios maranhenses continuam ocorrendo, porém para maquiar os números, não vem sendo contabilizados aqueles que morrem em decorrência de brigas nas penitenciárias. Denúncias apontam que ainda estão acontecendo muitas brigas, mas os feridos são socorridos e morrem no hospital, estes então não entram na contagem de mortos por disputas internas no sistema penitenciário.

“A matança continua”, afirmou um especialista de Segurança Pública do Maranhão e tem acesso a informações do sistema penitenciário.

Uma prova disto é que na última sexta-feira (4), um homem foi encontrado morto no banheiro do banho de sol, o laudo foi categórico, morte por esganadura e estrangularam os dois rins do rapaz, porém o Governo do Maranhão divulga como se fosse suicídio.

O poder paralelo continua atuando. As facções criminosas continuam determinando quem morre, quem é assaltado.

A taxa de homicídio são baixas, pois as investigações estão paradas. A Polícia Civil está engessada. A impunidade é uma evidência e isso foi revelado pelo próprio presidente do Sinpol em entrevista.

O Pacto pela Paz é uma falácia. O investimento zero. O Maranhão segue um caos, mas o Governo insiste em abafar os números e passar uma falsa realidade de tranquilidade.

 

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>