Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Suposto operador de esquema fraudulento na Saúde do Maranhão comete suicídio em Teresina

12 de abril de 2018 : 23:06

O médico Mariano de Castro Silva cometeu suicídio por volta das 20 horas desta quinta-feira (12) em Teresina. De acordo com informações que chegam ao eliaslacerda.com, ele foi encontrado morto com uma corda no apartamento dele, na Ininga, em Teresina.

Médico da regulação do estado do Maranhão, Dr. Mariano de Castro Silva chegou a ser preso em novembro do ano passado junto com a ex-subsecretária de  saúde do estado do Maranhão, Rosângela Curado na operação da polícia federal denominada de “Pegadores”.  A operação foi bastante questionada na imprensa e muitos veículos de comunicação a classificaram de política, pois não conseguiu apresentar provas contra um suposto desvio de recursos públicos federais que estaria acontecendo na rede de saúde do estado.

Entre amigos  do médico, há informações de que ele teria ficado depressivo após a prisão.

Dr. Mariano de Castro Silva deixou dois filhos e a esposa.

Nos últimos dias divulgaram uma carta que teria sido apontado como Mariano o autor.

As informações são do blog do Elias Lacerda.

2 comentários em “Suposto operador de esquema fraudulento na Saúde do Maranhão comete suicídio em Teresina”

  1. Natinho Gomes

    6 meses atrás  

    Lamentável, mais um crime motivado pelo sistema Sarney de fazer oposição. No arfam de denigrir a imagem do atual governo aproveitou os momentos que o seu guiado estava na direção da polícia federal para tentar devastar seus opositores políticos no estado. Taí, não tiveram prova é ainda destruíram a felicidade de uma família. É horrível!

  2. LSCN

    6 meses atrás  

    Agora eles(os bandidos)tem em quem jogar toda culpa, vão fazer parecer que ele fez tudo sozinho

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>