Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

A falta de sensibilidade do governador Flávio Dino com o Maranhão e seu povo

11 de Abril de 2018 : 08:20

Viajando desde semana passada, quando foi aos Estados Unidos participar de um debate de estudantes brasileiros em um evento que ainda contou com a participação da funkeira Anitta. O governador Flávio Dino (PCdoB), mostrou uma falta de sensibilidade imensa ao deixa de priorizar o Maranhão e sua população em relação ao ex-presidente Lula que está preso em Curitiba. O comunista simplesmente embarcou para o Paraná com o intuito de participar de uma encenação política, enquanto que os maranhenses estão perdendo suas casas por conta das fortes chuvas que caem no estado.

Cidades de Tuntum, Presidente Dutra, Dom Pedro, São Domingos, Joselândia, São José dos Basílios e muitas outras estão inundadas e com risco de uma tragédia iminente por conta da possibilidade de rompimento das barragens que ainda seguram a enorme quantidade de água que cai no Maranhão.

Enquanto Flávio Dino deveria ter a preocupação com o povo sofrido que o elegeu, ele prefere cobrar o que é impossível: visitar o ex-presidente Lula.

Falta mais atenção do governador Flávio Dino para o que é realmente mais importante…

4 comentários em “A falta de sensibilidade do governador Flávio Dino com o Maranhão e seu povo”

  1. Francismar

    2 semanas atrás  

    O governo do estado não é só o governador, existe uma equipe comandada pelos secretários de estado para suprir a lacuna deixada pelo governante. Ele não pode comparecer a vários lugares ao mesmo tempo, é impossível, daí ter uma equipe responsável por cada setor no estado.

  2. LSCN

    2 semanas atrás  

    Partindo dessa linha de raciocínio vamos destituir a figura do governador e nomear uma equipe já que ele é apenas uma figura decorativa.
    O prefeito do RJ viajou no carnaval do Rio para a Europa e foi duramente criticado, semanas depois aconteceu intervenção militar, isso se deu por que ele não fez o seu trabalho
    Nos foi vendida em 2014 a imagem de um “salvador da pátria” e está acontecendo exatamente o contrário, isso foi um marqueting eleitoral totalmente enganoso e quem está pagando por isso é o povo do Maranhão.

  3. Francismar

    2 semanas atrás  

    Rigo Teles visitou Marajá do Sena, acompanhado do governador em exercício, Carlos Brandão, do prefeito, Lindomar Araújo, vereadores e lideranças, e viu que a cidade vive em estado de calamidade pública. Sensibilizado com o sofrimento, Rigo doou 500 botijões de água mineral para o povo.

  4. Francismar

    2 semanas atrás  

    “Centenas de pessoas atingidas pelos estragos das chuvas nos últimos dias recebem apoio do Governo do Estado com as ações de equipes do Corpo de Bombeiros, Centro Tático Aéreo e das secretarias de referência. Segundo a Defesa Civil do Estado, pelo menos 15 cidades foram alvo de enchentes e enxurradas.
    As equipes de salvamento prestam reforço realocando as populações desabrigadas, monitorando a situação de risco e fazendo, junto às prefeituras, levantamento das necessidades prioritárias. Nesta quarta-feira (11), o Governo do Maranhão enviou remessas de mantimentos a cidades afetadas.
    Em Tuntum, uma das mais recentes na lista de atingidas, equipe do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil articula com a Prefeitura local as medidas tomadas na região. Além das famílias desabrigadas, as chuvas comprometeram as vias de acesso, dificultando a chegada do salvamento ao local.
    Um helicóptero do Centro Tático Aéreo (CTA) foi disponibilizado permitindo que a ajuda chegasse à cidade. Com as equipes em solo, todos os desabrigados foram retirados das áreas alagadas e transferidos a locais seguros.
    Outra cidade em que as equipes atuaram foi Caxias, onde houve transbordamento do riacho afluente do Rio Itapecuru no povoado Riachão. Foram socorridas seis famílias com retirada emergencial do Corpo de Bombeiros”.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>