Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Avenidas Litorânea e Holandeses vão possuir fiscalização eletrônica a cada 500 metros

6 de fevereiro de 2018 : 16:08

A legislação de trânsito será cumprida rigorosamente pelo menos no que tange a velocidade máxima nas avenidas Litorânea e dos Holandeses. Pelo menos é o que promete o presidente da Agência de Mobilidade Urbana, Lawrence Melo. Em conversa com este jornalista foi revelado que nos próximos meses vão ser instalados radares e lombadas eletrônicas em toda extensão das duas vias com intuito de regular o fluxo de veículos, que não permitirá velocidades acima de 60 km/h.

De acordo com Lawrence Melo, a sua proposta será bem diferente do que ocorre nas demais avenidas da capital. “Hoje existe praticamente um radar por via pública, o motorista então usa a estratégia de frear em cima da fiscalização e logo em seguida volta a imprimir uma alta velocidade. Isso não coíbe atropelamentos e batidas de trânsito”, explicou.

A partir de agora, os radares e barreiras eletrônicas que vão ser instalados nas avenidas Litorânea e dos Holandeses vão estar a cada 500 metros funcionando de forma permanente e exigindo que os veículos mantenham 60 km/h em toda sua extensão e em alguns pontos 40 km/h.

Lawrence afirma que não quer aumentar a arrecadação com a fiscalização eletrônica, mas sim acabar as mortes no trânsito nas duas avenidas. “Vamos comemorar, quando completarmos um ano sem atropelamentos”, declarou.

O projeto para instalação da nova fiscalização eletrônica já foi enviado ao governador e o presidente da MOB acredita que até março, ele inicia o processo de instalação dos radares e lombadas eletrônicas.

As câmeras instaladas até o momento na cidade são de responsabilidade da Prefeitura de São Luís através da SMTT, as quais também fiscalizam as faixas exclusivas para ônibus e também irregularidades praticadas por motoristas.

3 comentários em “Avenidas Litorânea e Holandeses vão possuir fiscalização eletrônica a cada 500 metros”

  1. Brunna

    10 meses atrás  

    Ainda bem, muitos motoristas passam la como loucos, inclusive semanas atras houve um óbito, se nao mexer no bolso do cidadão, eles nao reclamam.

  2. Thiaguinho Slz

    10 meses atrás  

    Parece mais fácil.. investir em equipamentos de fiscalização, q gera dinheiro ao estado… do q investir em pavimentação e melhorias das vias de tráfego de São Luís.. q patético!!!

  3. Joao

    9 meses atrás  

    Indústria de multas isso sim!
    O trânsito vai ficar ainda mais lento, poderia melhorar a mobilidade urbana e não reduzir ainda mais as vias.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>