Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Audiência discutirá privatização do setor elétrico brasileiro

A Câmara Municipal de São Luís realizará, nesta quinta-feira (16), audiência pública, para tratar sobre o tema: “Impactos Econômicos da Reforma do Setor Elétrico Brasileiro e a Venda do Controle da Eletrobrás”. A audiência, proposta pelo vereador Honorato Fernandes (PT), será realizada às 10h, na sede do Legislativo Municipal de São Luís – Plenário Simão Estácio da Silveira.

“A proposta de realização da audiência nasceu do convite feito pelo advogado Wellington Araújo Diniz, secretário de assuntos jurídicos do Sindicato dos Urbanitários do Maranhão – STIU-MA, para integrar a luta, já travada pela entidade, contra a privatização da Eletrobras”, afirmou o autor do requerimento, vereador Honorato Fernandes, destacando ainda que a proposta de privatização do setor elétrico estatal integra um projeto maior de privatização anunciado às pressas e de forma arbitrária pelo Governo Federal.

“O projeto de privatização da Eletrobrás é apenas parte de um programa de privatização que alcança mais 56 empresas estatais federais, como a Casa da Moeda do Brasil e Infraero. O mais grave de tudo é que o programa foi anunciado às pressas, sem respaldo técnico, sem consulta pública, nem referendo popular”, destacou o parlamentar, ressaltando também os “objetivos escusos” do Governo Federal com a medida.

 “O objetivo do governo é gerar o sucateamento das empresas estatais, para assim atender os interesse do capital, sobretudo, o internacional e cobrir o rombo nos cofres públicos, promovido pela administração irresponsável dos agentes públicos”, declarou Honorato.