Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Flávio Dino nega ajuda a Marcha para Jesus a ser realizada em São Luís

25 de outubro de 2017 : 09:15

Misturando política e religião, o governador Flávio Dino vem se negando a ajudar a “Marcha para Jesus 2017”, a ser realizada no dia 2 de novembro, entre o percurso do Aterro do Bacanga (onde funciona o Sambódromo) à praça Maria Aragão. De acordo com os organizadores do evento, várias já foram as tentativas para que o Governo do Maranhão venha apoiar o ato religioso, porém o comunista vem dando negativas, pois quer que o assunto seja negociado por intermédio do Pastor Porto, responsável por dialogar com o segmento evangélico.

Ocupando o posto de secretário de Relações Institucionais, Pastor Porto vem se cacifando para a disputa eleitoral do próximo ano. No entanto, a Assembleia de Deus decidiu por não negociar com o ex-vice-governador, mas sim diretamente com o Governo do Maranhão.

A Marcha Para Jesus é um evento interdenominacional e demonstra uma comunhão entre as igrejas, proclama o evangelho de Cristo, e marca momentos de celebrações pelos 500 anos da Reforma Protestante, além de intercessões sob o estado do Maranhão.

Vale lembrar que Flávio Dino já ajoelhou, já proferiu versículos da Bíblia e já jurou de pé junto que não é ateu como defendem os comunistas. Mas essa postura só demonstra a sua pequenez, uma vez que o governador está sugerindo que religião serve é para fazer política.

Os organizadores da Marcha para Jesus 2017 ainda aguardam uma mudança de posição do governador Flávio Dino…

4 comentários em “Flávio Dino nega ajuda a Marcha para Jesus a ser realizada em São Luís”

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>