Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Na CCJ, Eliziane Gama diz que “vivemos um momento sombrio da história do país”

“Vivemos um momento sombrio da história desse País”. Essa é, na avaliação da deputada federal Eliziane Gama (PPS-MA), a síntese de uma quarta-feira (12) em que a Câmara começou a julgar, de maneira inédita, o acatamento de uma denúncia de corrupção contra o presidente Michel Temer e o juiz Sérgio Moro condenou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a 9 anos e meio de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Em discurso na Comissão de Constituição e Justiça, que analisa o acatamento da denúncia contra Temer, a parlamentar disse manifestar com pesar e com tristeza mais um voto que pode selar o destino de um político que não honrou seu compromisso com a sociedade.

Ela lembrou que nos últimos dois anos o cenário político foi dominado por denúncia de irregularidades.

A parlamentar lembrou ainda o compromisso histórico do PPS com a apuração de denúncias de corrupção e disse que a postura do partido, ao defender o andamento do processo contra Temer, mostra coerência. “Nosso voto será favorável a aceitação da denúncia”.