Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Processo seletivo é aberto com oferta de 546 vagas para níveis fundamental, médio e superior

15 de outubro de 2015 : 07:14

A Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH) – empresa pública dotada de personalidade jurídica de direito privado –, lançou nesta quarta-feira (14), edital de processo seletivo simplificado para contratação de pessoal para atender as demandas das unidades da Rede Estadual de Saúde: Laboratório Central (LACEM), Central de Hematologia e Hemoterapia do Maranhão (HEMOMAR), Unidade Mista do Maiobão e Hospital Presidente Vargas.

No total são 546 vagas para os níveis fundamental, médio, técnico e superior, que correspondem às especialidades que constam no edital, com salários que variam de R$799,00 à R$1.905,00.

As inscrições gratuitas serão feitas exclusivamente através do site (http://www.saude.ma.gov.br/emserh), a partir desta quinta-feira (15) até a próxima segunda-feira (19), com o preenchimento e impressão da ficha de inscrição, a qual terá o campo para a indicação dos documentos, cursos, títulos e experiência dos candidatos.

Os candidatos deverão retirar o inteiro teor do edital no endereço eletrônico, sendo de responsabilidade do candidato a obtenção da documentação.

O cadastro formado através do presente processo seletivo simplificado terá validade de 12 (doze) meses, a contar da data da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual ou menor período, a critério da EMSERH.

Segundo o secretário de Estado da Saúde, Marcos Pacheco, esse segundo edital lançado pela Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares, caracteriza a inserção da EMSERH na Rede Estadual de Saúde. “A finalidade é substituir progressivamente os institutos eminentemente privados que prestam serviço para a Secretaria Estadual de Saúde. Dessa forma, teremos à frente da gestão das unidades de saúde do Estado uma empresa pública de direito privado, que é vinculada à SES”, explica o secretário.

A questão da impessoalidade caracterizada por esses tipo de processos é ressaltada pelo subsecretário de saúde, Carlos Eduardo Lula, como o diferencial dos seletivos a partir da EMSERH. “Por meio desses seletivos, a pessoa para trabalhar na Rede Estadual de Saúde não depende mais de indicação. Ela pode conquistar uma vaga mediante esforço próprio, estudo e vivência profissional. Esse é o principio da impessoalidade, onde a SES está oportunizando o trabalho a todos, levando em consideração, sobretudo, a qualificação e o mérito”, justifica Carlos Lula.

2 comentários em “Processo seletivo é aberto com oferta de 546 vagas para níveis fundamental, médio e superior”

  1. Delcimar Maranhao

    5 anos atrás  

    Seletivo? E o concurso público?

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>