Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Deputados estaduais rejeitam envio de tropas da Força Nacional para ajudar no combate a violência do Maranhão

2 de junho de 2015 : 18:46

É difícil de entender certas posturas políticas. O Maranhão vive uma grave crise na segurança, apesar do esforço do governador e secretário em tentarem resolver o problema. Porém ainda não está sendo suficiente para resolver o problema. Pensando nisso, o deputado Adriano Sarney (PV), apresentou requerimento solicitando o envio de tropas da Força Nacional, mas surpreendentemente a maioria dos deputados estaduais presentes na Assembleia Legislativa nesta terça-feira (2), disse “não” à ajuda.

Claro que a votação retratou a postura entre oposição e governo, onde sempre os parlamentares aliados governistas tem de derrotar as propostas oposicionistas. No entanto, o requerimento desta sessão vai além da disputa política. Trazer a Força Nacional para o Maranhão iria ajudar aumentar o policiamento e a segurança das cidades maranhenses, e principalmente São Luís, que vive assolada pelo crime.

Apenas Adriano Sarney (PV), Cabo Campos (PP), Edilázio Júnior (PV), Júnior Verde (PRB), Nina Melo (PMDB), Sousa Neto (PTN), Wellington do Curso (PPS) e Zé Inácio (PT) votaram a favor da população do Maranhão. Os demais, infelizmente seguiram a orientação governista: vencer todas as propostas da oposição.

Adriano Sarney ainda tentou argumentar: “O próprio governador e o secretário de Segurança estão reclamando da falta de policiais, mas ai quando apresentamos esse requerimento a base governista vota contra. Só espero que depois quem votou contra não se sinta culpado por não ter feito a sua parte para a diminuição da violência”. Mas foi em vão.

A votação terminou 14 a 8 contra a aprovação do requerimento que solicitava o envio de tropas da Força Nacional.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>