Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Prefeitura dialoga com comerciantes do Centro Histórico

31 de janeiro de 2015 : 18:00

O prefeito Edivaldo se reuniu na noite de quinta-feira (29) com moradores e comerciantes da área do Centro Histórico para falar sobre as ações que a prefeitura está realizando para revitalização da área, por meio de parceria com o governo do Estado. A reunião foi a primeira organizada pela subprefeitura do Centro Histórico e representou um marco, uma vez que reuniu em torno de uma mesma mesa, após décadas, representantes da Prefeitura de São Luís, do governo do Estado e do governo federal, todos com um único objetivo: melhorar a infraestrutura do local, a qualidade de vida das pessoas e a atração aos turistas.

A subprefeitura tem como objetivo ter uma proximidade maior com essa comunidade, ser os olhos do prefeito nesta região, com diálogos constantes na busca da melhoria da infraestrutura da área e da qualidade de vida das pessoas que vivem e que frequentam o local, destacou o prefeito Edivaldo, que estava acompanhado do subprefeito, Fábio Henrique Carvalho, dos secretários municipais de Governo, Lula Filho, e de Turismo, Guilherme Marques.

Edivaldo destacou a importância da parceria com o governo do Estado. “Quero aqui ressaltar o apoio que o governador Flavio Dino tem dado neste projeto de revitalização do Centro Histórico, através da Polícia Militar e de outros órgãos de Estado que estão nos apoiando nestas ações. Antes mesmo de assumir, o governador já conversava comigo sobre a importância dessa parceria institucional em benefício de São Luís e das pessoas que aqui vivem”, completou o prefeito.

A secretária de Estado de Cultura, Ester Marques, o presidente do Procon, Duarte Júnior, e o comandante da Companhia de Policiamento Independente de Turismo (CPTur), Major Roberto Moreira, representaram o governo na reunião, que teve ainda a presença de representante da secretaria de Estado de Turismo, do exército e da superintendente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional no Maranhão (Iphan), Kátia Bogéa, dentre outras autoridades.

Limpeza e segurança – O foco principal da reunião, que durou quase três horas, foi segurança e limpeza. Durante conversa com moradores e comerciantes, o subprefeito Fábio Carvalho pediu o apoio dos mesmos no sentido de armazenarem o lixo de forma correta e só colocarem nas lixeiras próximo ao horário de coleta, para evitar que o lixo se espalhe pelas ruas e calçadas. “Este é um trabalho que tem que ser feito em conjunto, onde a comunidade é corresponsável pelo sucesso deste projeto”, destacou o subprefeito.

Nos próximos dias deverá ser deflagrada uma campanha de sensibilização com o objetivo de chamar a atenção dos moradores e comerciantes para a questão do armazenamento correto do lixo. Fábio Carvalho informou ainda que faz parte do projeto de melhoria da limpeza do local a colocação de novas lixeiras subterrâneas. “Estamos articulando com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente a instalação de lixeiras desse tipo na área do Centro Histórico. Este será, no entanto, uma ação de médio prazo, pois faremos processo licitatório para o serviço”, disse o subprefeito.

Na área de segurança, o major Roberto informou que dentro das ações de revitalização do Centro Histórico está prevista a reativação de um trailler da polícia, bem como o aumento do efetivo de pessoal no local. “Isso vai acontecer com a entrada dos mil novos policiais que já estão sendo chamados pelo governo do Estado”, pontuou.

Revitalização – Fazem parte das ações de revitalização do Centro Histórico, já em curso, o trabalho de limpeza e lavagem das ruas e escadarias, varrição e coleta, manutenção da iluminação pública, poda de árvores, restauração do calçamento e reforço da segurança no local, por meio da realização de operações ostensivas e aumento do efetivo policial em toda a área. Estão sendo realizadas ainda operações de desocupação de prédios públicos invadidos ilegalmente e utilizados como ponto de venda de droga, com a devida abordagem social e amparo às pessoas em situação de rua.

Moradores e comerciantes da área avaliaram positivamente as ações realizadas pela subprefeitura. “Estamos vendo a coisa mudar realmente agora. Era o que nós queríamos para trabalhar com qualidade, em um espaço limpo e seguro”, destacou Noelha Lima da Silva, que trabalha no local há 26 anos. “Estamos vendo um movimento maior de pessoas no Centro Histórico a partir dessas ações da prefeitura e estamos muitos felizes com isso”, completou Francisca Gomes Pereira, que também trabalha no local e participou da reunião.

O dono de restaurante, Michello Franco, disse que as ações conjuntas do governo e prefeitura estão combatendo inicialmente o que era considerado mais grave na área de segurança e limpeza. “Esse são problemas cruciais para a atração de visitantes para o local. Estávamos vendo, a cada dia, o movimento diminuir e isso está mudando”, disse. A secretária de Estado de Cultura, Ester Marques, destacou que o foco principal das ações deve ser a melhoria da qualidade de vida das pessoas. “Seu povo é o maior patrimônio de São Luís. São as pessoas que dão vida às belezas arquitetônicas e naturais de São Luís”, destacou.

Selo de qualidade – Como forma de melhorar o serviço oferecido nos bares e restaurantes do Centro Histórico, o Procon deu início à operação Selo Procon de Qualidade, que prevê uma maior regulação, reconhecimento e até punição para os empresários que atuam na área. “Com o selo queremos mostrar para a população, para o consumidor que ali tem um serviço de qualidade”, destacou o diretor do Procon, Duarte Júnior, acrescentando que o nome dos estabelecimentos com o selo ficará disponível no site do órgão para consulta da população.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>