Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Aprovados no concurso da Assembleia Legislativa cobram nomeação

19 de maio de 2014 : 13:00

Os aprovados no último concurso realizado pela Assembleia Legislativa do Maranhão (ALEMA) cobram a nomeação dos classificados no certame.

O concurso foi realizado em maio de 2013 e hoje quase um ano após a realização do concurso público para o preenchimento de 92 vagas na Assembleia legislativa do Maranhão apenas 20 candidatos foram nomeados.

Os candidatos aprovados reclamam ainda da falta de informações sobre as referidas nomeações uma vez que os aprovados já procuraram inúmeras vezes a direção da casa atrás de noticias sobre as mesmas sem obter sucesso. A única informação que tiveram é que falta dinheiro para efetuar as contratações.

Ainda segundo os aprovados, há descaso da presidência da Casa para solucionar o caso, pois a Constituição Federal, em seu art. 169, § 1º, I e II, exige a prévia dotação orçamentária para a realização de concurso para a contratação de pessoal antes da divulgação do edital.

Ressalte-se ainda que se a Administração abriu concurso para um número determinado de vagas é porque tinha necessidade de preencher os cargos e verba orçamentária para tanto.

Sobre o Concurso:

O concurso foi organizado realizado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) no dia 26 de maio de 2013 e registrou 18.227 inscritos para concorrer as 92 vagas para os cargos de Consultor Legislativo Especial, Técnico de Gestão Administrativa, Assistente Legislativo e Auxiliar Legislativo Operacional.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>