Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Suplente do PT quer cassar mandato de Bira do Pindaré

4 de outubro de 2013 : 17:11
A saída do deputado estadual Bira do Pindaré do PT ainda rende discussão. Na manhã desta sexta-feira (04), o primeiro suplente do PT para vaga de deputado estadual, Valdinar Barros disse que entrará com um processo no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão para cassar o mandato de Bira por infidelidade partidária.
Valdinar Barros quer ganhar mandato de Bira do Pindaré
Procurado para falar sobre o assunto, o presidente do PT, Raimundo Monteiro confirmou que concedeu a carta de anuência ao parlamentar e que a decisão de buscar o mandato na Justiça Eleitoral era do político da região sul do estado. “Olha o Valdinar tem o direito dele de questionar, agora o PT não vai entrar com nenhum pedido de reivindicação de mandato contra o Bira, nós já encerramos essa história, agora cabe ao Ministério Público Eleitoral decidir ou não sobre esse questionamento do suplente”, informou.
Bira deixou o PT, após resposta do presidente Raimundo Monteiro que afirmou “que a convivência com o parlamentar estava insuportável”, por isso o deixa livre para sair da legenda. Dessa forma o deputado estadual anunciou sua filiação no PSB.
Valdinar Barros que já foi deputado estadual entre 2006 e 2010, e obteve mais de 20 mil na eleição de 2010, obtendo a vaga de primeiro suplente do PT, já conversou com alguns membros do partido e que está analisando se irá ou não tentar obter essa vaga.
O advogado, especialista em direito eleitoral, Carlos Lula, informa que é muito difícil o MPE conceder um parecer favorável ao suplente, mas como na Justiça tudo é possível e está sujeita a diversas interpretações, ainda existe a possibilidade de Bira do Pindaré ficar sem mandato.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>