Diego Emir | Poder, Política e Sociedade

Partidos e políticos estão sendo acusados de estarem fraudando fichas de filiações

9 de outubro de 2013 : 08:13
É de se estranhar ter encerrado o prazo para filiações partidárias e muitos políticos ainda não anunciarem suas trocas partidárias. Diante de inúmeros casos, corre nos bastidores políticos que está ocorrendo uma fraude no preenchimento das fichas de filiações e isso pode ocorrer da seguinte forma: a desfiliação que obrigatoriamente deveria ser comunicada até o dia 5 de outubro via web pelo sistema do TSE pode ter ocorrido normalmente, agora a filiação que é entregue de forma manual e tem até o dia 14 de outubro para os Tribunais Regionais receberem, devem conter a data do dia 5 de outubro, ou seja, partidos e políticos tem quase 10 dias para manipularem os documentos.

Um dos casos que levantou essa suspeita é do deputado estadual Stênio Rezende, que está fora do PMDB desde o dia 30 de junho de 2013, porém até hoje, 9 de outubro. não anunciou o seu novo destino e inclusive existe a possibilidade dele voltar para o PMDB. Mas como é que quatro dias, após o fim do prazo de filiações, o parlamentar não sabe nem qual partido vai disputar as eleições do próximo ano?

Fica mais uma vez provado que não adianta os esforços, sempre vão encontrar uma forma de burlar a legislação eleitoral e fazer da política, um verdadeiro picadeiro, onde cada um faz a sua palhaçada de acordo com o ritmo pedido.

Deixar um comentário

HTML tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>